Jogador de Lesoto perto de alcançar fato inédito para o país!

Under-20-midfielder-Tsoanelo-Koetle

O jovem meia Montoeli Sonopo, 17 anos, pode se tornar o primeiro atleta do país africano a defender um clube europeu. Ele foi selecionado, junto de outros 15 jogadores africanos, após dez dias de treinamentos em Douala, Camarões.

A peneira é patrocinada por um empresário regularizado na FIFA (Olivier Noah), que tem uma empresa, chamada Noga Sports, com experiência de 30 anos em revelar talentos africanos. Olheiros de vários clubes europeus, como Olympique de Marselha, Lille, Lyon (França), Sevilla, Malaga, Celta de Vigo, Atlético de Madrid (Espanha) e Sporting Braga (Portugal) estiveram presentes.

Espanha

71158_112273142135778_6429207_n

O relações-públicas do Lioli Teyateyaneng, clube local onde Sonopo atua, Moeketsi Pitso, disse, em entrevista ao Sunday Express, que as performances de Sonopo foram muito boas e que ele está muito perto de jogar internacionalmente.

Rumores dão conta de que o Atlético de Madrid tem interesse em contratar o jogador. Sonopo começou a carreira no TY Thunder, logo se transferindo para o Nyenye Rovers, que acabou rebaixado à 2ª Divisão do país. Porém, Sonopo conseguiu certo destaque, que resultou em sua contratação pelo Lioli, onde está desde setembro de 2010.

O jovem atleta também tem experiência com a seleção sub-20. Ele ajudou Lesoto a se classificar para o Campeonato Africano de Jovens, que dá vaga à Copa do Mundo da categoria, na Colômbia – Lesoto está no Grupo A, ao lado de Egito, África do Sul e Mali.

Leia também: Do Manchester United para o fundo do poço!

O presidente do Lioli, Lebohang Thotanyana, confirmou, em entrevista a um jornal de Lesoto, o interesse dos espanhóis em contar com Sonopo. Segundo ele, as negociações estão avançadas e o clube já quer definir a situação do jogador antes do fim de abril de 2011, para facilitar a obtenção do visto de trabalho por Sonopo.

“Queremos fechar a negociação antes do fim do mês porque o visto demora para sair cerca de três meses. A intenção é ter tudo organizado em agosto, quando a janela de transferências se fecha”, disse Thotanyana.

Por ter menos de 18 anos, que serão completados somente em 18 de janeiro de 2012, Sonopo jogará pela equipe de reservas do Atlético de Madrid, até ter condições legais de assinar um contrato profissional e figurar no time de cima.

Compatriotas

São poucos, mas outros jogadores do país atuam fora de Lesoto. O único destino dos colegas de profissão de Sonopo é a África. O zagueiro/meia Lehlohonolo Seema, 30 anos, atua desde 2006 pelo Orlando Pirates (África do Sul), com 63 jogos e um gol marcado. Ele começou a carreira no Chelsea Maseru, da capital do país natal (Maseru) e atua na seleção principal desde 1998, pela qual é o atual capitão.

O outro jogador que defende clubes africanos é o lateral-direito Bokang Mothoana, 23 anos. Depois de iniciar a carreira no Likhopo Maseru, o atleta defende o Union Sportive Monastir, atual líder da 2ª Divisão da Tunísia, desde 2010 – teve uma passagem entre 2007 e 2009. Mothoana tem 13 jogos pela seleção de Lesoto, com um gol anotado, desde 2005.

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede