Trinidad & Tobago e São Cristóvão & Névis vencem fora

logo-copa-2014

vote no Plano Tático no concurso TOP Blogs

Trinitinos e são-cristovenses eram favoritos para levar três pontos de Barbados e Santa Lúcia, respectivamente. Nenhuma surpresa nas duas partidas, que coloca ambos na briga pelas vagas à 3ª Fase das Eliminatórias Concacaf! Boa Leitura!

Trinidad & Tobago despacha o fraco Barbados

Barbados x Trinidad & Tobago

Quando os jogadores trinitinos adentraram o estádio Nacional de Barbados (15.000 lugares) para fazer o aquecimento, perceberam que o dia era deles. Não haveria nenhum caldeirão por parte dos torcedores de Barbados, que eram apenas 750. Sem contar o próprio adversário, que tem a base da seleção jogando no país, com uns poucos atuando nas divisões inferiores da Inglaterra.

A primeira grande chance, claro, foi de Trinidad & Tobago. Num sonolento toque de bola no campo defensivo, os jogadores de Barbados davam chance para o azar. Eis que o zagueiro Barry Skeete, do Defence Force (Barbados) acabou cochilando e devolvendo mal para o goleiro Jason Boxhill, do Paradise (Barbados). Esperto, o atacante Kenwyne Jones, do Stoke City (Inglaterra), interceptou o passe e, já dentro da área, chutou por cima do travessão!

O gol dos visitantes saiu logo depois, aos 17 minutos da primeira etapa. Em bom toque de passes, de primeira, envolvendo a fraca marcação de Barbados, o meia Keon Daniel, de 24 anos, recebeu ótimo passe de Kenwyne Jones, avançou com a bola dominada, invadiu a área e deu um toquinho para dentro das redes, sem chances para Jason Boxhill!

Trinidad & Tobago tinha grande facilidade para tocar e finalizar a gol, pois os zagueiros de Barbados pareciam dormir em campo. Ainda no primeiro tempo, os trinitinos perderam um gol incrível! O meia Clyde Leon, de 27 anos desarmou Riviere Williams e tocou para o meia Hayden Tinto.

Em outro ótimo passe, para Kenwyne Jones, o atacante trinitino estava livre, dentro da área, só com o goleiro Boxhill à frente. Ele tentou driblar e rolar para o gol, mas pegou muito forte na bola e ela escapou pela linha de fundo! Que lambança!

No segundo tempo, em outro banho de futebol de Trinidad & Tobago, que mais uma vez fez o que quis com a defesa de Barbados, Keon Daniel recebeu passe de Tinto na esquerda e cruzou. Kenwyne Jones só ajeitou para o meio da área, devagarzinho. O goleirão Jason Boxhill não conseguiu defender e espalmou a bola de forma estranha, com ela ainda permanecendo na área. Ai foi só o atacante Darryl Roberts chutar para o gol, com extrema facilidade! 2×0 Trinidad & Tobago, aos 22 minutos!

Num dos poucos lances de ataque do desanimado Barbados, a bola passava longe do gol de Marvin Phillip. Primeiro foi com o camisa 10, Norman Forde, de 34 anos, finalizar sem qualquer perigo de fora da área. Num outro lance, Forde conseguiu acertar o pé, chutando de dentro da área após cruzamento, mas Marvin Phillip fez maravilhosa defesa e impediu o gol de honra de Barbados!

Imagem de Amostra do You Tube

Com a fácil vitória, Trinidad & Tobago chegou aos seis pontos em dois jogos, mas não é líder do Grupo B. Guiana, que venceu Bermudas por 2×1 (veja detalhes da partida – texto 3), tem um gol marcado a mais que os trinitinos (4 contra 3) e por enquanto está classificada à 3ª Fase.

A disputa pela vaga claramente ficará entre Guiana e Trinidad & Tobago, que só se enfrentarão nas duas últimas rodadas, em 11 e 15 de novembro de 2011. O saldo de gols contra Barbados e Bermudas indicará quem terá a vantagem de jogar pelo empate.

Santa Lúcia perde de novo!

Santa Lúcia x São Cristóvão & Névis

Depois da goleada de 4×1 sofrida para o Canadá, fora de casa (veja matéria sobre a partida – texto 1)¸ Santa Lúcia recebeu São Cristóvão & Névis com o objetivo de somar os primeiros pontos no Grupo D. A torcida pouco apoiou, com apenas 2.005 pessoas nas arquibancadas do estádio de Beausejour (20.000 lugares), na cidade de Gros Islet, no norte da ilha caribenha.

O primeiro gol da partida foi dos visitantes, logo aos sete minutos, por meio do atacante Ian Lake, de 29 anos, que atua pelo Newtown United (São Cristóvão & Névis). Apenas cinco minutos depois, outro gol são-cristovense. Jevon Francis, atacante de 28 anos do Alpha United (Guiana), dobrou a vantagem dos visitantes.

A defesa santa-lucense estava de brincadeira. Com apenas 15 minutos de bola rolando, São Cristóvão & Névis marcou o terceiro! O meia Orlando Mitchum, de 24 anos, que é jogador do Antigua Barracuda (Antígua & Barbuda), que joga na 3ª Divisão dos Estados Unidos, deve ter desanimado ainda mais os 2.005 valentes torcedores, não é mesmo?

Antes que o primeiro tempo terminasse, porém, os visitantes fizeram o quarto, marcado pelo jovem meia Devaughn Elliot, de 19 anos, do Village Superstars (São Cristóvão & Névis), cinco vezes campeão nacional.

Na etapa final, o natural relaxamento de São Cristóvão & Névis, com 4×0 de dianteira, permitiu uma pequena reação dos anfitriões. Aos 20 minutos, o meia Zaine Pierre, de apenas 17 anos e que joga pelo West Connection (Trindad & Tobago) diminuiu – ele tem cinco partidas pela seleção principal e é considerado titular. A seis minutos do fim, o atacante Cliff Valcin, de 25 anos, que está sem clube, fez o segundo, fechando o placar em 4×2 a favor de São Cristóvão & Névis.

Com a primeira vitória em dois jogos, os são-cristovenses têm quatro pontos, dois a menos que o Canadá, franco favorito a ficar com a vaga do Grupo D à 3ª Fase das Eliminatórias Concacaf. Na próxima rodada, dia 7 de outubro de 2011, São Cristóvão & Névis encara novamente Santa Lúcia, em casa, enquanto Porto Rico viaja até o Canadá.

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede