Nova Caledônia goleia Tahiti e ainda tem esperanças

A derrota de 2 a 0 da Nova Caledônia na primeira rodada da Fase Final das Eliminatórias Oceania para a Copa do Mundo 2014 para a favorita Nova Zelândia, em casa (veja tudo sobre a partida), é considerado um resultado normal. Porém, isso não tirava a pressão dos caledônios diante do Tahiti, fora de casa. O experiente meia Olivier Dokunengo, 33 anos, do Mont Dore (Nova Caledônia), tinha plena noção das responsabilidiades:

“Não fomos rigorosos o suficiente na defesa contra a Nova Zelândia e não criamos muitas oportunidades de marcar, o que foi bastante diferente em nossa vitória sobre eles na Copa das Nações da Oceania 2012. Agora, contra o Tahiti, esperamos uma partida difícil, em que ambos vêm de derrotas, o que nos obriga a vencer”, afirmou.

O técnico local de Tahti, Eddy Etaeta, 42 anos, desde 2010 à frente da seleção, também via como importante o jogo: “Devemos descansar para a partida, mas isso será muito difícil, em razão das várias horas que passamos viajando [de volta do jogo em Ilhas Salomão]. Não começamos a Fase Final da maneira que queríamos e não atuamos com agressividade e determinação suficientes no primeiro jogo [derrota de 2 a 0 para Ilhas Salomão, fora de casa veja o que ocorreu na partida]”.

O experiente zagueiro Angelo Tchen, 30 anos, do Tefana (Tahiti), deu a receita para vencer a Nova Caledônia: “Vamos jogar em casa e temos de nos impor. Espero ver um ótimo público no estádio, o que será importante para nós. Sabemos o que não funcionou contra Ilhas Salomão, e sabemos da pressão que nos aguarda”, encerrou.

O jogo

Apesar do apelo de Tchen, poucas pessoas apareceram no estádio Pater Te Hono Nui (10 mil lugares), como se pode ver nas imagens – o público oficial não havia sido divulgado até o fechamento desta matéria. Nos primeiros minutos, a Nova Caledônia atacou o adversário, principalmente com participação do atacante Bertrand Kaï, 29 anos, do Hiengène Sport (Nova Caledônia), eleito o melhor jogador da Oceania em 2011 (veja mais informações).

Porém, o atacante não conseguiu finalizar a contento, pois ora estava impedido, como aos dois minutos da primeira etapa, ora errava a cabeçada para o gol, como na falta cobrada pelo meia Jöel Wakanumuné, 25, do Chambéry (França), aos quatro minutos. Aos 12, o outro bom atacante de Nova Caledônia, Georges Gope Fenepej, 23 anos, do Troyes (França), recebeu passe e cruzou para o meia César Lolohea, 23, do Stade Lavallois B (França), que finalizou para fora!

A primeira chance do Tahiti ocorreria um minuto depois, num cruzamento do meia Alvin Tehau, 23 anos, do Tefana, que encontrou o atacante Steeve Chong Hue, 22, do Bleid Gaume (Bélgica). Porém, o atleta tahitiano errou o alvo. Aos 14 minutos, o mesmo Chong Hue quase marcou, acertando a trave do goleiro caledônio Rocky Nyikeine, 20 anos, do Gaïtcha (Nova Caledônia). No segundo tempo, a Nova Caledônia demorou 14 minutos para inaugurar o placar…

César Lolohea recebeu passe na entrada da área, pelo lado direito, e decidiu cruzar. Ele colocou a bola na área, mas ela tocou na cabeça de Angelo Tchen,  enganando o goleiro Xavier Samin, 34, do Tefana, que não voltou a tempo de fazer a defesa! 1 a 0 Nova Caledônia, num gol concedido pelo árbitro fijiano Andrew Achari ao meia da Nova Caledônia! Apenas um minuto depois, o mesmo César Lolohea fez boa jogada pela direita, foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro. Bertrand Kaï estava na primeira trave e teve apenas o trabalho de desviar de primeira! 2 a 0 Nova Caledônia!

Aos 18 minutos, os caledônios marcaram o terceiro! Em mais uma jogada com participação de César Lolohea, ele fez tabelinha com o meia Noël Kaudré, 31 anos, do Magenta (Nova Caledônia), que lhe devolveu o passe já dentro da área. Angelo Tchen, no entanto, tocou na bola e impediu a finalização de Lolohea, mas não adiantou.

O meia da Nova Caledônia foi atrás da bola e apenas levantou-a para o meio da área. Livre de marcação, Georges Gope Fenepej apenas tocou de cabeça para o gol vazio, já que o goleiro Xavier Samin havia saído de forma precipitada do gol para abafar o cruzamento de Lolohea! Que lambança! Aos 37 minutos, o Tahiti teve uma bela chance de diminuir, mas Steeve Chong Hue não aproveitou o belo passe do meia Lorenzo Tehau, 23, do Tefana, e apanhou da bola. Ele estava dentro da área e tinha de finalizar de primeira, mas tropeçou na bola, que foi à linha de fundo!

Aos 44 minutos, Georges Gope Fenepej fez jogada pela esquerda do ataque, matou no peito tirando do zagueiro ao mesmo tempo e invadiu a grande área. O goleiro Xavier Samin saiu do gol, mas Fenepej teve toda a tranquilidade do mundo para fingir que ia finalizar, deixando Samin no chão, e tocar para por cobertura, marcando um golaço, sobre uma defesa tahitiana que em nenhum momento se aproximou! 4 a 0 Nova Caledônia sobre o Tahiti, com autoridade, PLACAR FINAL!

Imagem de Amostra do You Tube

Depois do apito

O técnico senegalês Alain Moizan, 58 anos, que comanda a Nova Caledônia desde 2012, estava muito feliz com a vitória: “Era um jogo crucial para nós. Graças à vitória, continuamos brigando pela classificação para a repescagem. Teremos de conseguir resultados positivos nas próximas partidas diante de Ilhas Salomão, para que possamos nos preparar  bem para a viagem até a Nova Zelândia”, afirmou.

Por outro lado, o técnico local do Tahiti, Eddy Etaeta, estava chateado: “Jogamos bem no primeiro tempo, mas o começo da etapa final foi mais difícil. Faltou-nos ritmo e os jogadores não estavam em boas condições físicas. Creio que a viagem de volta de Ilhas Salomão teve um efeito  negativo sobre nós. Agora, está muito difícil para atingirmos o objetivo do primeiro lugar”, lamentou.

Na próxima rodada das Eliminatórias Oceania, em 12 de outubro de 2012, o Tahiti vai encarar o oponente mais forte do Quadrangular Final, a Nova Zelândia, em casa. No mesmo dia, a Nova Caledônia vai até as Ilhas Salomão encarar os donos da casa. A liderança é da Nova Zelândia (seis pontos), seguida por Nova Caledônia (três), Ilhas Salomão (três) e o lanterna Tahiti (zero pontos), que já levou seis gols e não marcou nenhum.

Veja a classificação de todas as Fases das Eliminatórias da Oceania

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede