Uzbequistão empata e perde chance de se aproximar da briga

Os uzbeques, considerados uma potência no Grupo A da Fase Final das Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo 2014, não vem conseguindo comprovar o status dentro de campo. Com apenas um ponto, justamente contra a pior seleção da chave, o Líbano (1 a 1 na casa do adversário veja aqui, no texto 1), o Uzbequistão tinha a possibilidade de vencer pela primeira vez nesta etapa e voltar à disputa por uma vaga na Copa do Mundo 2014, num jogo difícil contra a Coreia do Sul.

O técnico local do Uzbequistão, Mirjalol Qosimov, 42 anos, também comandante do maior time do país (Bunyodkor), sabia que a vitória era quase um ultimato: “Jogamos duas partidas e conseguimos apenas um ponto, então, precisamos da vitória hoje. Há muita pressão de todos os lados, mas isso pode nos ajudar durante a partida. Queremos dificultar as coisas para a Coreia do Sul e vencer. O clima entre os jogadores está excelente e o pensamento é somente na vitória”, disse.

O técnico sul coreano Choi Kang Hee, 53 anos, oficialmente anunciado em 21 de dezembro de 2011, pregava respeito ao adversário: “Alguns atletas deles já atuaram na liga sul coreana e devem saber como nós jogamos, mas também temos jogadores profissionais e queremos vencer. O Uzbequistão tem ótimos atletas, e devemos respeitar não só este adversário, mas todos do grupo. Os torcedores virão torcer pelo Uzbequistão, mas se jogarmos à nossa maneira, teremos chance de conseguir o objetivo. Confio em meus jogadores, e avisei a eles que devemos controlar a bola desde o início e tentar marcar um gol”, encerrou.

O jogo

Mesmo na última posição da chave, 33 mil torcedores resolveram se fazer presentes no estádio Pakhtakor Markaziy (35 mil lugares) para apoiar o Uzbequistão em busca da primeira vitória na Fase Final. Por causa disso o time da casa começou em cima da Coreia do Sul, e teve uma grande chance logo aos 12 minutos do primeiro tempo.

O atacante Ulugbek Bakayev, 33 anos, do Irtysh Pavlodar (Cazaquistão), venceu o goleiro Jung Sung Ryong, 27, do Suwon Bluewings (Coreia do Sul), mas finalizou fraco, permitindo que a defesa sul coreana tirasse a bola em cima da linha, mandando para escanteio. Na cobrança, os uzbeques comemoraram o primeiro gol. Pela direita, o meia Server Djeparov, 29 anos, do Al Shabab (Arábia Saudita), colocou a bola na primeira trave…

Um leve desvio do meia Sanjar Tursunov, 25 anos, do Alania Vladikavkaz (Rússia), mudou a trajetória da bola, que foi em cima do meia sul coreano Ki Sung Yueng, 23, do Swansea City (País de Gales). No reflexo, ele tentou tirar de cabeça para a linha de fundo, mas acabou acertando as próprias redes, num gol contra! 1 a 0 Uzbequistão! Apenas cinco minutos depois, os visitantes tiveram sua chance…

O meia Lee Keun Ho, 27 anos, do Ulsan Hyundai (Coreia do Sul), fez grande jogada individual e serviu o atacante Lee Dong Gook, 33, do Jeonbuk Motors (Coreia do Sul). Mesmo dentro da pequena área, ele errou a finalização e conseguiu mandar por cima do gol! As chances sul coreanas eram raras, diante de uma boa defesa do Uzbequistão e de um goleiro, Ignatiy Nesterov, 29 anos, do Bunyodkor, bastante seguro.

Entretanto, aos 44 minutos, o empate dos visitantes aconteceu. O meia Ki Sung Yueng cobrou falta pela esquerda,  na intermediária, mandando na segunda trave. Nesterov saiu do gol para afastar o perigo, mas tomou a decisão errada, sendo batido pelo zagueiro Kwak Tae Hwi, 31, do Ulsan Hyundai, que ganhou no alto e desviou para o meio da área. O zagueiro uzbeque Artyon Filiposyan, 24, do Bunyodkor, tentou tirar com um chute e também mandou para as próprias redes! Uzbequistão 1, Coreia do Sul também 1! Detalhe que a bola passaria pelo gol uzbeque, saindo em lateral! Que lambança!

No segundo tempo, a Coreia do Sul virou o jogo, aos 11 minutos. O lateral Park Joo Ho, 25 anos, do Basel (Suiça), recebeu passe na esquerda e mandou para a área. O atacante Kim Shin Wook, 24, do Ulsan Hyundai, ainda teve tempo de, dentro da área, dominar e finalizar por baixo de Ignatiy Nesterov, num chute cruzado, de difícil defesa! 2 a 1 Coreia do Sul, de virada! Falha do meia Shoruh Gadoev, 20 anos, do Nasaf Qarshi (Uzbequistão), que pulou e não achou nada, deixando a bola para Shin Wook!

Porém, dois minutos depois, os anfitriões mostraram empenho e empataram o jogo. Em nova cobrança de Server Djeparov, ele novamente colocou a bola na primeira trave, para o desvio do meia Sanjar Tursunov, como no primeiro gol. A diferença é que Tursunov agora mandou direto para as redes! Festa do excelente público uzbeque em Tashkent! Uzbequistão 2, Coreia do Sul também 2!

Aos 25 minutos, o Uzbequistão teve outra chance em cobrança de escanteio. O atacante Aleksandr Geynrikh, 27 anos, do Aktobe (Cazaquistão), que entrara no segundo tempo, recebeu o cruzamento e desviou para o gol, mas Jung Sung Ryong precisou fazer uma defesa acrobática, no reflexo, mandando por cima do gol! Nos acréscimos, Lee Dong Gook perdeu um gol para a Coreia do Sul, num contra-ataque rápido, em chute defendido por Nesterov! Uzbequistão 2, Coreia do Sul também 2, PLACAR FINAL!

Imagem de Amostra do You Tube

Depois do apito

O técnico sul-coreano Choi Kang Hee se surpreendeu com o adversário: “O Uzbequistão jogou melhor do que eu pensava que eles poderiam fazer e marcaram um gol cedo. Tomara que possamos jogar melhor nas próximas partidas, mas estou satisfeito com o resultado. Os dois times atuaram bem, apesar de que nós perdemos o controle da bola no início do jogo e passamos a jogar o  nosso jogo quando os meias começaram a ficar com a bola nos pés”, analisou.

O técnico  uzbeque Mirjalol Qosimov agradeu aos jogadores: “Gostaria de parabenizar jogadores e torcedores, pois atuaram até o último minuto. Tivemos chances de marcar o gol da vitória, mas também poderíamos ter levado, então, estou satisfeito com o empate. Mantivemos a posse de bola no primeiro tempo, mas depois que eles empataram, ficaram ainda mais fortes e o jogo mudou”, explicou.

A liderança do Grupo A é da Coreia do Sul, com sete pontos em três jogos. Em seguida vêm Irã, Catar e Líbano, este último com quatro partidas, todos com quatro pontos. Na lanterna aparece o Uzbequistão, com dois pontos em três rodadas. No próximo dia 16 de outubro de 2012, o Uzbequistão vai jogar com o Catar, fora de casa, enquanto a Coreia do Sul viaja até Teerã para encarar o Irã.

Veja todos os jogos das Eliminatórias Asiáticas já disputados!

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede