Nova Caledônia goleia Ilhas Salomão e vai lutar por vaga

A duas rodadas do fim da Fase Final das Eliminatórias da Oceania para a Copa do Mundo 2014, a disputa pela vaga à repescagem contra uma seleção da Concacaf está restrira a duas seleções. A Nova Caledônia se candidatou a medir forças com a favorita Nova Zelândia, depois de golear e eliminar matematicamente Ilhas Salomão, em casa. Antes do jogo, o técnico senegalês (naturalizado francês), Alain Moizan, 58 anos, pregava respeito ao adversário:

“Vamos descansar bastante antes do jogo para ficarmos 100% prontos. Precisamos ter muito respeito diante de Ilhas Salomão, porque sabemos que eles tentarão nos vencer, ainda mais depois de terem perdido para nós na partida anterior [6 a 2 para os caledônios, fora de casa]”, afirmou.

Por sua vez, o meia Henry Fa’arodo, 30 anos, do FC Nelson (Austrália), capitão da equipe, estava esperançoso: “Vamos tentar ver o que tem de positivo na derrota anterior e creio que podemos revertê-la. Ainda temos chance de chegar ao Mundial e espero que possamos assegurar um bom resultado. Isso é futebol e tudo pode aconteceter”, avisou.

O jogo

O pequeno estádio Numa-Daly Magenta (10 mil lugares), na cidade de Nouméa, capital da Nova Caledônia, contou com 4 mil espectadores, que logo viram o time visitante levar perigo. Aos três minutos, o jovem atacante Tutizama Tanito, 18 anos, do Marist FC (Ilhas Salomão), recebeu passe longo na direção da linha de fundo, mas o goleiro Rocky Nyikeine, 20, do Gaïtcha (Nova Caledônia), foi esperto e saiu do gol para fazer a defesa nos pés do adversário!

No minuto seguinte, a Nova Caledônia abriu o marcador. Em cobrança de lateral rápida, o atacante Bertrand Kaï, 29 anos, do Hienghène Sport (Nova Caledônia), recebeu passe na direita, à frente dos zagueiros, e teve extrema liberdade para cruzar. Dentro da pequena área, o atacante Georges Gope-Fenepej, 23, do Troyes (França), se antecipou ao goleiro Samson Koti, 20 anos, do Kossa FC (Ilhas Salomão), e cabeceou para as redes! 1 a 0 Nova Caledônia!

Aos nove minutos, o segundo gol dos donos da casa! Numa boa troca de passes no campo de ataque, a bola chegou para o meia Roy Kayara, 22 anos, do Magenta (Nova Caledônia), que fez maravilhosa jogada, passando entre dois marcadores. Para completar, ele invadiu a área, driblou Koti com habilidade e rolou para as redes vazias! 2 a 0 Nova Caledônia! Os visitantes mal chegavam, com raras oportunidades, como numa falta na entrada da área, aos 14 minutos, que Henry Fa’arodo isolou.

Aos 16 minutos, o meia César Lolohea, 23 anos, do Stade Lavallois (França), cruzou na cabeça do meia Olivier Dokunengo, 33, do Mont Dore (Nova Caledônia), mas, mesmo dentro da área, ele errou a cabeçada, que passou perto, por cima do travessão! Aos 30 minutos, Ilhas Salomão levou perigo em cruzamento do meia Joses Nawo, 24 anos, do Koloale FC (Ilhas Salomão), mas Rocky Nyikeine saiu do gol para interceptar a bola alçada na área!

No lance seguinte, a Nova Caledônia aumentou a vantagem… Pela direita, Georges Gope-Fenepej mostrou muita habilidade e driblou dois marcadores, entrando na grande área! Ele tocou para trás, mas um jogador caledônio finalizou em cima de um adversário. Porém, a sobra ficou com o atacante Iamel Kabeu, 30 anos, do Manu Ura (Tahiti), que disparou um petardo da entrada da área, que entrou no ângulo esquerdo de Samson Koti! 3 a 0 Nova Caledônia! Aos 43 minutos, um chutão vindo da defesa resultou em mais um gol dos anfitriões…

César Lolohea dominou a bola sozinho na entrada da área e percebeu a saída de Koti a tempo de encobrir o goleiro salomonense, que não teve nenhuma culpa no lance! Que desatenção da defesa de Ilhas Salomão, não é mesmo? 4 a 0 Nova Caledônia! No segundo tempo, aos cinco minutos, Betrand Kaï teve a oportunidade de aumentar a goleada, mas Samson Koti defendeu a bola em seus pés!

Na etapa final, Ilhas Salomão mal atacou, enquanto a Nova Caledônia se deu por satisfeita com o placar, diminuindo um pouco o ritmo! A um minuto, os visitantes aproveitaram falha da defesa caledônia e o meia Leslie Nate, 26 anos, do Kossa FC, teve de dividir uma bola na intermediária. Ele ganhou a disputa e chutou dali mesmo, mas a bola ficou tranquila nas mãos de Rocky Nyikeine, que fez a defesa em dois tempos. Aos 24 minutos, Georges Gope-Fenepej cruzou para a área salomonense, mas o zagueiro Loni Garaba, 27, do Western United (Ilhas Salomão), conseguiu o desvio. Sorte dele que Koti estava bem posicionado, pois seria um gol contra!

Aos 44 minutos, a Nova Caledônia fechou a contagem… O zagueiro Georges Béaruné, 23 anos, do Gaïtcha, que acabara de entrar na partida, fez um lançamento longo para César Lolohea, que nem deixou a pelota tocar o gramado e emendou um meio-voleio de primeira, na saída de Samson Koti! 5 a 0 Nova Caledônia sobre Ilhas Salomão, PLACAR FINAL!

Imagem de Amostra do You Tube

Depois do apito

O francês Alain Moizan gostou do que viu: “Estou satisfeito com o nosso desempenho. Agora temos a Nova Zelândia, adversário que será muito difícil vencer… Mas por que não? Temos de acreditar na vitória”, terminou.

Já Henry Fa’arodo lamentou o resultado: “O primeiro tempo nos matou, estávamos em segunda marcha e eles foram muito melhores. O nosso plano de jogo, nossa compostura e passe não existiram. O segundo foi muito melhor, mas precisávamos ter jogado assim desde o início”, encerrou.

A vitória deixou a Nova Caledônia com nove pontos, três atrás da Nova Zelândia. Eliminados, Ilhas Salomão (três pontos) e Tahiti (nenhum) apenas cumprirão tabela nas duas rodadas finais. A próxima acontece em 22 de março de 2013, quando a Nova Caledônia vai encarar a “final” das eliminatórias. Se vencerem a Nova Zelândia fora de casa, os caledônios sobrevivem na disputa pela vaga, o que também acontecerá com um empate. Caso seja derrotada, a Nova Zelândia garante a repescagem com uma rodada de antecedência!

Veja a classificação de todas as Fases das Eliminatórias da Oceania

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede