Omã supera Jordânia e embola briga pelo segundo lugar

Realmente é digna de aplausos a campanha de Omã nas eliminatórias. Ninguém acreditava que a seleção asiática chegaria à Fase Final, mas além de quebrar esse feito inédito, Omã agora, por que não, sonha com o Brasil 2014. Um ótimo passo foi dado no último dia 16 de outubro de 2012, diante da Jordânia, pelo Grupo B das Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo 2014. Antes da partida, o técnico francês de Omã, Paul Le Guen, 48 anos, estava animado:

“Tomara que os jogadores estejam concentrados e nossos defensores conscientes da ameaça da Jordânia. Precisamos dar nosso melhor para evitar a derrota, porque esse resultado acabaria com nossas chances de classificação. Estou confiante de que a partida será interessante e os torcedores vão apreciar. Respeitamos a Jordânia, mas estudamos suas fraquezas e forças e estamos preparados”, avisou.

Por sua vez, o técnico iraquiano da Jordânia, Adnan Hamad, 51 anos, também sabia das dificuldades: “Respeitamos Omã, que desenvolveu seu futebol e vem tendo bons resultados. Eles jogarão em casa e isso significa que a partida será muito difícil, mas tentaremos nosso melhor para conseguir os três pontos. A vitória contra a Austrália [2 a 1, em casa, na rodada anterior] nos dá força para conseguir um resultado positivo contra Omã”, encerrou.

O jogo

A campanha de Omã está realmente provocando entusiasmo no torcedor. Em sua segunda partida dentro de casa na Fase Final, 26 mil pessoas apareceram no estádio Sultan Qaboos Sports Complex (39 mil lugares), em Muscat, capital omani, para acompanhar a seleção da casa. O jogo começou movimentado, mas a primeira oportunidade dos donos da casa aconteceu apenas aos 15 minutos.

Em cobrança de falta a 25 de metros de distância, o meia Fawzi Bashir, 28 anos, do Al Dhafra (Emirados Árabes Unidos), emendou um petardo, que passou por cima, mas perto do travessão do goleiro Lo’ai Al Amaireh, 34, do Al Faisaly (Jordânia)! Cinco minutos depois, o atacante omani Amad Al Hosni, 28 anos, do Al Ahli (Arábia Saudita), teve a chance de finalizar dentro da área adversária, mas o zagueiro Anas Bani Yaseen, 23, do Al Dhafra, se jogou na direção da bola e salvou a Jordânia!

Os anfitriões não paravam de pressionar os visitantes, e tiveram mais uma oportunidade, novamente com Fawzi Bashir. Ele recebeu lançamento e desviou de cabeça para o gol, mas em cima de Lo’ai Al Amaireh, que espalmou. Sorte dele que conseguiu o desvio, pois o meia Raed Saleh, 20 anos, do Al Oruba Sur (Omã), mergulhara para mandar para as redes num eventual rebote! Pouco depois, Amad Al Hosni teve outra chance de marcar, mas foi impedido pelo goleiro jordaniano!

Antes do intervalo, a Jordânia teve uma rara oportunidade, em cobrança de escanteio orquestrada pelo atacante Abdullah Deeb, 25 anos, do Al Wahdat, que acabou tocando na trave do goleiro Ali Al Habsi, 30 anos, do Wigan (Inglaterra)! Nos acréscimos do primeiro tempo, Fawzi Bashir teve chance cara a cara com Al Amaireh, e chegou a vencer o adversário…

Porém, na hora de tocar, ele não contava com o aparecimento do zagueiro Mohammad Al Dmeiri, 25 anos, do Al Wahdat (Jordânia), que salvou a Jordânia bloqueando de forma heroica o chute de Bashir! No início do segundo tempo, foram os visitantes que ameaçaram…

Abdullah Deeb apareceu em boa situação pela direita, e procurou servir o atacante Ahmad Ibrahim, 28 anos, do Al Arabi (Kuwait). Dentro da área, ele tentou esticar a perna para desviar para o gol, mas por pouco não alcançou a bola! Aos 15 minutos, o atacante Tha’er Bawab, 27 anos, do Gaz Metan Medias (Romênia), que acabara de entrar, obrigou Al Habsi a fazer uma grande defesa, ao voar no ângulo direito a fim de desviar a bola para escanteio!

Aos 17 minutos, Omã finalmente conseguiu seu gol, num momento em que a Jordânia era melhor. Em cobrança de escanteio pela direita, o zagueiro Saad Al Mukhaini, 25 anos, do Dhofar (Omã), colocou a bola no meio da área. O atacante Ismail Al Ajmi, 28 anos, do Al Faisaly (Arábia Saudita), desviou de cabeça para a pequena área, onde estava o meia Ahmed Mubarak, 27 anos, do Al Ittifaq (Arábia Saudita)…

À frente dos zagueiros, ele se esticou todo e conseguiu se antecipar a Lo’ai Al Amaireh, tocando para o fundo das redes! 1 a 0 Omã, para delírio dos torcedores! O gol pareceu desanimar os jordanianos, que não conseguiram reagir durante um bom tempo. Já no final da partida, aos 42 minutos, Omã marcou o segundo! Depois de cruzamento, o meia Juma Al Maashari, 28 anos, do Dhofar, aproveitou falha de Mohammad Al Dmeiri e do goleiro da Jordânia, em que um deixou a bola para outro, e apareceu no canto direito para desviar para as redes totalmente vazias! 2 a 0 Omã!

Em cima dos 45 minutos, a Jordânia teve extrema liberdade para tocar dentro da área de Omã e diminuiu o prejuízo. Abdullah Deeb recebeu passe dentro da área e tocou de primeira para Tha’er Bawab, que dominou na direita com o pé esquerdo e já ajeitou para tocar na saída de Ali Al Habsi! Os omanis reclamaram de impedimento, mas o árbitro bareinita Nawaf Shukralla nada assinalou! 2 a 1 Omã em cima da Jordânia, PLACAR FINAL!

Imagem de Amostra do You Tube

Depois do apito

O técnico francês de Omã, Paul Le Guen, estava radiante: “Tivemos uma grande vitória hoje, estou feliz com o desempenho dos jogadores. Os torcedores também tiveram participação nesta vitória, comparecendo em bom número”, falou.

Por outro lado, Adnan Hamad estava chateado: “Foi uma derrota decepcionante, pois tivemos  uma boa apresentação. Tivemos ainda muitas chances de gol, e o resultado poderia ter sido diferente se estes tivessem sido confirmados. Apesar da derrota, ainda temos chance na chave e quatro partidas pela frente, em que teremos de conquistar resultados melhores. Devemos esquecer essa derrota e nos concentrarmos no próximo jogo”, comentou.

A vitória coloca Omã na terceira posição do Grupo B, com cinco pontos, desvantagem no saldo de gols (0 contra -2) em relação à Austrália, vice-líder. O Japão é o primeiro, com dez pontos, enquanto a Jordânia vem em quarto lugar, com quatro pontos. A lanterna é do Iraque, com dois. Na próxima rodada, em 14 de novembro de 2012, Omã vai receber os japoneses, enquanto a Jordânia visita os iraquianos, que mandarão o jogo no Catar.

Veja todos os jogos das Eliminatórias Asiáticas já disputados!

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede