Gâmbia derrota Tanzânia, mas termina na lanterna

É verdade que as duas seleções já estavam eliminadas no Grupo C das Eliminatórias Africanas e nem havia a possibilidade de Gâmbia ultrapassar a Tanzânia na tabela, em face da diferença de cinco pontos entre as equipes. Entretanto, os tanzanianos, a depender do resultado entre Costa do Marfim e Marrocos, poderiam ultrapassar os marroquinos, o que já seria excelente para o técnico dinamarquês Kim Poulsen:

“Queremos vencer para melhorar na chave e ganhar pontos no Ranking FIFA. Um triunfo em Gâmbia poderá nos ajudar a não precisar enfrentar a fase preliminar das Eliminatórias para a Copa Africana de Nações 2015, que depende do Ranking”. Porém, o objetivo da Tanzânia era bastante complicado, por um simples motivo:

“Vamos jogar em condições difíceis, pois a maioria dos 11 jogadores considerados titulares está lesionada. Nunca passei por uma situação dessas desde que comando a seleção, mas vamos ver o que podemos fazer”, analisou.

No lado dos donos da casa, o técnico Peter Bonu Johnson chamou dez jogadores que atuam no exterior, decidindo por outros 13 locais de um grupo de 31 atletas, que ele treinou por duas semanas, na Gâmbia. Ele estava confiante: “Estamos cheios de otimismo e vamos somar três pontos”. O novo presidente da federação local, Mustapha Kebbeh, parecia estar falando para jogadores que disputariam vaga na Copa do Mundo:

“Estou feliz por encontrar com vocês e renovar minha confiança, vocês podem fazer isso. 1,5 milhão de gambianos estão com vocês e vamos providenciar todo um ambiente de conforto para que possam fazer seu trabalho, com a bola nos pés”. Na última hora, os anfitriões perderam a experiência do goleiro Pa Dembo Touray, do Santos (África do Sul), que foi substituído por Bubacarr Sanyang, do Armed Forces (Gâmbia).

Gâmbia 2×0 Tanzânia

Os gambianos jogavam em casa, mas cerca de três quartos do estádio estava vazio, já que a partida nada valia em termos de classificação. Membros do governo estiveram presentes na tribuna. Mesmo assim, os donos da casa quase abriram o placar logo cedo, mas a finalização do atacante Momodou Ceesay, do Kairat (Cazaquistão), parou nos pés do zagueiro Erasto Nyoni, do Azam (Tanzânia), que estava em cima da linha!

Os visitantes ficavam pouco tempo com a bola, mas tiveram uma chance de ouro. O jovem atacante Simon Msuva, 19 anos, do Young Africans (Tanzânia), aproveitou lambança de zagueiros e do goleiro e finalizou a três metros da linha do gol, errando o alvo! Gâmbia voltou a dominar e, quando se esperava a manutenção do placar sem gols no intervalo, o time da casa marcou…

O meia Mustapha Jarju, do Mons (Bélgica), recebeu passe de Ceesay, driblou dois adversários com tranquilidade e mandou para as redes, sem chance para o goleiro Juma Kaseja, do Simba (Tanzânia)! 1 a 0 Gâmbia, em cima dos 45 minutos, no último lance da etapa inicial. No início do segundo tempo, aos seis, o mesmo Jarju levou vantagem sobre a linha de impedimento da Tanzânia após receber lançamento e fez o segundo! 2 a 0 Gâmbia! Os donos da casa ainda tiveram algumas chances ao final do jogo, mas ficou só nisso…

Local: estádio Independence (30 mil lugares)

Gols: Mustapha Jarju/GAM (45’|1º e 6’|2º)

Classificação

Após a primeira vitória na fase de grupos das eliminatórias – a equipe não vencia jogos oficiais, exceto amistosos, há três anos –, Peter Bonu Johnson comentou que Gâmbia não pode entrar apenas para participar das competições, pois “precisamos organizar mais amistosos para que o time possa melhorar no Ranking FIFA e ganhar confiança e experiência. Uma jornada de mil milhas começa com um passo”, comentou, dizendo que o jogo foi difícil, mas que os atletas atuaram com determinação.

Já Kim Poulsen lamentou a derrota: “Cometemos erros e fomos punidos, por pura falta de experiência. Não criamos chances hoje, mas estamos testando os jovens jogadores, para que no futuro eles possam nos ajudar mais”.

O Grupo C terminou com a liderança da Costa do Marfim, com 14 pontos, seguida por Marrocos, que somou nove. A Tanzânia ficou com seis pontos, enquanto Gâmbia segurou a lanterna, com quatro. O sorteio dos confrontos da fase final será realizado no próximo dia 16 de setembro/2013 (segunda-feira).

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede