Copa do Mundo 2018: jovens promessas [Uruguai]

A seleção

Outras seleções

Alemanha | Argentina | Holanda | França | Espanha

A irregular campanha na Copa do Mundo do Brasil em nada lembrou aquele Uruguai vibrante visto na África do Sul 2010. Mesmo sem contar com o craque Luís Suárez em duas das quatro partidas, esperava-se mais da Celeste Olímpica.

Na Copa do Mundo 2018, muitos atletas da atual seleção terão idade acima dos 30 anos e isso mostra o quanto é necessária uma renovação. O técnico Óscar Tabárez já começou o processo e chamou alguns garotos para os dois primeiros amistosos pós-Mundial.

Sem títulos de expressão, a talentosa geração chegou em finais e fez bons papéis nas competições de base. Algumas promessas já carregam a responsabilidade de ser titulares em suas equipes. A fome agora é por conquistas com a seleção principal.

A Copa América 2015 vem aí e os uruguaios, atuais campeões, mostraram que após um hiato gigantesco de vitórias ainda têm tradição e são rivais fortíssimos. O que conta a favor das jovens promessas é a experiência nas seleções de base, com títulos conquistados e boas campanhas em competições importantes. Resta saber se Óscar Tabaréz conseguirá unir experientes e jovens no mesmo time.

As promessas do Uruguai

Guillermo de Amores

Data de nascimento: 19 de outubro de 1994 (19 anos)

Clubes: Liverpool Montevideo (2011-atual)

Em 2013/14: 29 partidas (todas como titular)

Melhor goleiro do último Mundial sub-20, disputado em 2013, Guillermo de Amores assumiu a titularidade do Liverpool Montevideo na temporada 2013/14. O jogador tem 1,86m e tem como pontos fortes as interceptações de jogadas aéreas, a segurança e a elasticidade. Apesar da inconstância no gol da Celeste, Fernando Muslera ainda tem a confiança do técnico Óscar Tabárez. Porém, os outros dois goleiros convocados para a Copa do Mundo no Brasil – Martín Silva e Rodrigo Muñoz – terão idade avançada na Copa do Mundo 2018 – 35 e 36 anos respectivamente. Com isso, Guillermo de Amores é forte candidato a garantir uma vaga entre os 23 selecionados.

Guillermo de Amores tem no currículo participação em competições nacionais e internacionais. Pelo Liverpool Montevideo, são 32 jogos e a provável sequência de partidas nesta temporada, o que deve dar ainda mais experiência ao goleiro. Pelas seleções de base, ele foi vice-campeão mundial sub-20, sul-americano e mundial sub-17 em 2011 e disputou o sul-americano sub-20 de 2013.

——————————————————————————–

Guillermo Varela

Data de nascimento: 24 de março de 1993 (21 anos)

Clubes: Peñarol (2011-13), Manchester United (2013-14), Real Madrid Castilla (2014-aual)

Em 2013/14: nenhuma partida

Guillermo Varela pode se dar ao luxo de ter vestido as camisas de três dos maiores clubes do mundo. Formado no Peñarol, pentacampeão da Libertadores, o lateral-direito foi a primeira contratação da era David Moyes, no Manchester United. O jogador chegou a Old Trafford em maio de 2013, por 4,8 milhões de dólares. Na Inglaterra, só jogou pela equipe sub-21, com 19 partidas e três assistências. Em setembro de 2014, acertou empréstimo para o Real Madrid Castilla, equipe B do gigante espanhol, onde deve, enfim, ter oportunidades no profissional.

Os pontos fortes de Guillermo Varela são marcação, movimentação e eficiência para atacar e defender. Ele acumula boas passagens nas seleções de base sub-17 e sub-20. O lateral-direito participou do sul-americano sub-20 de 2013 e foi vice-campeão mundial da categoria no mesmo ano.

——————————————————————————–

Emiliano Velázquez

Data de nascimento: 30 de abril de 1994 (20 anos)

Clubes: Danubio (2012-14), Getafe (2014-atual)

Em 2013/14: 31 partidas (todas como titular, com dois gols)

No futebol, nem sempre os números mostram a realidade do campo, mas no caso de Emiliano Velázquez eles comprovam o quão talentoso e precoce é o jovem zagueiro. Em 2011/12, o jogador fez apenas sua partida de estreia entre os profissionais. A expulsão logo no primeiro jogo mostrou certa imaturidade e afobação, mas não atrapalhou a sequência do trabalho no Danubio. Nas duas temporadas seguintes, foram 55 jogos, todos como titular. Os cartões continuaram – foram mais 15 amarelos e dois vermelhos –, mas o futebol evoluiu.

Antes da Copa do Mundo de 2014, o jogador foi vendido pelo Danubio a um grupo empresarial por 800 mil dólares. Em agosto de 2014, o Atlético de Madrid pagou 1,1 milhão de dólares ao mesmo grupo para contar com o zagueiro nos próximos cinco anos. Com a presença dos compatriotas Diego Godín e José Giménez, Emiliano Velázquez foi emprestado ao Getafe para ganhar experiência no futebol espanhol.

Emiliano Velázquez tem passagens sólidas pelas seleções sub-15, sub-17 e sub-20 e foi vice-campeão sul-americano e mundial sub-17 – tendo sido capitão da equipe nesta – em 2011 e vice-campeão mundial sub-20 em 2013. O técnico Óscar Tabárez convocou o defensor para os amistosos contra Coreia do Sul e Japão, ambos com vitórias por 1 a 0 e 2 a 0, respectivamente.

——————————————————————————–

Gastón Silva

Data de nascimento: 5 de março de 1994 (20 anos)

Clubes: Defensor Sporting (2011-14), Torino (2014-atual)

Em 2013/14: 21 partidas (16 como titular)

Capitão da seleção no vice-campeonato mundial sub-20 de 2013, Gastón Silva é muito bom nos desarmes e possui boa velocidade para um zagueiro, além da liderança que exerce dentro e fora de campo. Ele também pode atuar na lateral-esquerda, já que tem boa movimentação e agilidade. Foi como lateral que Gastón Silva ajudou o Defensor Sporting com duas assistências.

O defensor estreou com apenas 16 anos na primeira divisão uruguaia, em 2011/12. Nas duas temporadas seguintes, entrou em campo mais 28 vezes, sem anotar gols. Gastón Silva chegou ao Torino por 3 milhões de dólares depois de o clube italiano o disputar com dois grandes rivais (Juventus e Internazionale de Milão).

Pela seleção principal foram oito partidas nas Eliminatórias para a Copa do Mundo 2014, sem nenhum gol marcado. Já nas seleções de base, além do vice-campeonato mundial já citado, Gastón Silva foi terceiro colocado nos Jogos Pan-americanos de 2011 e vice-campeão sul-americano sub-17 no mesmo ano. Ele disputou ainda o Mundial sub-17 e o sul-americano sub-20 de 2013.

——————————————————————————–

Gianni Rodriguez

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 7 de junho de 1994 (20 anos)

Clubes: Danubio (2012-13), Benfica B (2013-atual)

Em 2013/14: 21 partidas (18 como titular)

Após somente 14 partidas com a camisa do Danubio, Gianni Rodríguez foi comprado pelo Benfica, em fevereiro de 2013. O lateral-esquerdo integra inicialmente a equipe B, que joga a segunda divisão local. Dono de excelentes lançamentos e cruzamentos, Gianni Rodríguez aparece constantemente no ataque. Na defesa, se destaca pela boa antecipação. O jogador teve bom desempenho no vice-campeonato mundial sub-20 de 2013, atuando como titular. Anteriormente, ele havia sido vice-campeão mundial sub-17 em 2011.

Lateral-esquerdo de muito controle de bola, Gianni Rodríguez aparece como opção de desafogo para zagueiros e volantes. O jogador só foi advertido com cartão amarelo três vezes: duas pelo Benfica B e uma pelo Danubio. A boa batida na bola o coloca como alternativa em cobranças de falta.

Pelas seleções de base, Gianni Rodríguez acumula vasta experiência. Na equipe sub-17 foram mais de 40 jogos, com dois gols marcados. Na sub-20, mais 24 aparições, enquanto que na sub-23 Gianni Rodríguez esteve em campo quatro vezes. Além dos campeonatos já citados, o atleta integrou os elencos vice-campeão sul-americano sub-17 em 2011 e os que conquistaram o terceiro lugar no sul-americano sub-20 de 2013 e nos Jogos Pan-americanos de 2011.

——————————————————————————–

Federico Gino

Data de nascimento: 26 de fevereiro de 1993 (21 anos)

Clubes: Defensor Sporting (2013-atual)

Em 2013/14: 22 partidas (19 como titular)

Volante de bom passe e saída de bola, Federico Gino mal chegou aos profissionais e já é cotado para deixar o futebol uruguaio. Rumores apontam que a joia do Defensor Sporting pode se transferir para a Itália. O jogador vem galgando seu lugar entre os titulares e, depois de ótima temporada em 2013/14, é natural que continue tendo sequência de partidas – até o momento, esteve em campo em três oportunidades.

Federico Gino ajudou a equipe a chegar à semifinal da Copa Libertadores 2014. Antes disso, disputou a final do torneio na categoria sub-20, em 2012, perdendo para o River Plate (Argentina). Apesar de volante, não comete muitas faltas. Em 26 partidas com a camisa do Defensor Sporting, Federico Gino recebeu apenas seis amarelos e ainda deu uma assistência. Pela seleção uruguaia sub-20 disputou 18 partidas, sendo sete no Mundial da categoria. Acabou ficando com o vice-campeonato, mas deixou a sua marca uma vez no torneio. Federico Gino ainda não atuou pela seleção principal.

——————————————————————————–

Sebástian Cristóforo

Data de nascimento: 23 de agosto de 1993 (21 anos)

Clubes: Peñarol (2011-13), Sevilla (2013-atual)

Em 2013/14: 21 partidas (12 como titular)

Volante de muita determinação e combate no meio-campo, Sebastián Cristóforo é descrito pela imprensa de seu país como o típico camisa 8, já que preenche os espaços na recomposição defensiva e ainda apoia meias e atacantes. Com a camisa do Peñarol, o jogador deu sete assistências e marcou um gol, em 59 partidas.

No brigado Campeonato Uruguaio, Sebastián Cristóforo foi advertido 14 vezes com o amarelo. Alçado aos profissionais em 2011, teve oportunidades no time titular durante o campeonato nacional, devido à prioridade do clube na disputa da Copa Libertadores. Os aurinegros chegaram à final, mas acabaram derrotados pelo Santos de Neymar.

Se 2011/12 serviu para o primeiro passo de Sebastián Cristóforo nos profissionais, a temporada seguinte foi de afirmação do volante. As atuações consistentes, seguidas de ótimo Mundial sub-20, anunciaram a hora da partida precoce do volante, em agosto de 2013. O destino foi o Sevilla, que pagou apenas 2,5 milhões de dólares pelo reforço, que teve o seu bom momento interrompido em março. O jogador rompeu o ligamento cruzado do joelho e deve voltar a campo em setembro de 2014.

Pelas seleções de base uruguaia, Sebastián Cristóforo foi vice-campeão sul-americano e mundial sub-20 em 2013. No país sul-americano, ele venceu o campeonato nacional de 2013. Sebastián Cristóforo também ajudou o Sevilla a conquistar a Liga Europa 2013/14.

——————————————————————————–

Giorgian de Arrascaeta

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 1º de junho de 1994 (20 anos)

Clubes: Defensor Sporting (2012-atual)

Em 2013/14: 39 partidas (28 como titular, com nove gols)

O nome mais promissor do Uruguai. Meia que sabe alternar cadência e aceleração, Giorgian de Arrascaeta controla o meio de campo do Defensor Sporting. Muito criativo, tem a capacidade de encontrar brechas entre os zagueiros, deixando os companheiros em ótimas condições de marcar. Não à toa, já foram 15 assistências em 58 partidas. Em um time com três meias, atua centralizado, se movimentando bastante, buscando o jogo e arriscando chutes de fora da área.

Em pouco tempo de profissional, Giorgian de Arrascaeta é titular absoluto e um dos ídolos do time uruguaio. A boa campanha do Defensor Sporting, com Giorgian de Arrascaeta como protagonista, abriu os olhos de clubes europeus e até brasileiros. A imprensa uruguaia especula que o jovem meia já tem um acordo com o Galatasaray (Turquia). O Internacional mostrou interesse em contar com o atleta, que foi o líder na preferência de uma enquete no Flamengo, onde se buscava o melhor nome para vestir a mítica camisa 10. Times italianos, como Bologna, Cagliari e Catania, também observam os passos da promessa.

Giorgian de Arrascaeta tem no currículo a disputa de três importantes competições pelas categorias inferiores. Entretanto, em todas o título bateu na trave. O camisa 10 foi vice-campeão da Libertadores sub-20 em 2012, do sul-americano e do Mundial, ambos sub-20, em 2013. No profissional, mais um vice: dessa vez no Torneio Clausura, mas mesmo assim, ele foi eleito disparado a revelação uruguaia de 2012/13.

Atuando por um clube de menor investimento, sem as mesmas condições de Nacional e Peñarol de brigar por títulos e com o futebol uruguaio fragilizado economicamente, não é exagero pensar que em breve Giorgian de Arrascaeta estará aplicando seus dribles e jogadas monumentais em outro clube – o contrato da joia com o Defensor Sporting vai até 2017.

Ele Foi convocado para os dois amistosos de setembro contra Coreia do Sul e Japão. Contra os coreanos, entrou no segundo tempo, deu mais velocidade ao time e ainda cruzou na medida para José Giménez marcar o gol da vitória por 1 a 0.

——————————————————————————–

Diego Rolán

Data de nascimento: 24 de março de 1993 (21 anos)

Clubes: Defensor Sporting (2011-13), Bordeaux (2013-atual)

Em 2013/14: 26 partidas (21 como titular, com dois gols)

O início surpreendente do Bordeaux em 2014/15 coincide com o bom momento que vive Diego Rolán. Um dos destaques da ótima campanha do líder da atual edição da Ligue 1, o atacante já marcou três gols em cinco partidas. Os números de tentos anotados já superaram o da temporada passada, quando em 26 jogos o jogador balançou as redes apenas duas vezes.

Rápido e voluntarioso na marcação, Diego Rolán disputou somente 41 partidas pelo Defensor Sporting, mas conseguiu marcar 11 vezes e dar quatro assistências. O sul-americano sub-20 de 2013 foi a última competição como jogador pertencente ao time uruguaio. O bom desempenho o levou para a França por 5 milhões de dólares, onde acompanha de perto Edinson Cavani, concorrente na briga pelos títulos e companheiro de seleção principal, que participou de dois jogos. Diego Rolán jogou os amistosos contra Japão e Coreia do Sul, sem deixar sua marca.

Pelas seleções inferiores, os vice-campeonatos sul-americano e mundial sub-20, em 2013, e a disputa do Mundial sub-20 de 2011 dão bagagem maior ao jogador. Pelo Bordeaux, o primeiro título como profissional foi a Copa da França 2012/13.

——————————————————————————–

Nicolás Lopéz

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 1º de outubro de 1993 (20 anos)

Clubes: Nacional (2010-12), Roma (2012-13), Udinese (2013-14), Hellas Verona (2014-atual)

Em 2013/14: 26 partidas (nove como titular, com três gols)

A história de Nicolás Lopéz no futebol profissional se assemelha a de muitos jovens jogadores no Brasil. Atacante rápido, habilidoso e de boa finalização, foi promovido à equipe principal com apenas 17 anos. E deu conta do recado marcando logo em sua estreia. Depois disso, foram mais cinco jogos e dois gols, antes de um desentendimento entre clube, jogador e empresário, que comprou os direitos de Nicolás Lopéz por 1,6 milhão de dólares e o colocou na Roma, antes mesmo que ele se consolidasse como atleta de alto nível e tivesse prestígio junto ao torcedor do Nacional.

O início na Itália foi animador. O atacante integrou a equipe B da Roma, que disputava a terceira divisão nacional. Os 15 gols em 12 jogos o credenciaram a ganhar oportunidade na equipe principal. E Novamente foi uma estreia com gol, dessa vez ajudando o time da capital a empatar a partida contra o Catania, aos 46 minutos do segundo tempo. Curiosamente, este foi o único pelo time principal, em sete partidas, sendo apenas uma como titular. Sem espaço, Nicolás Lopéz rumou para a Udinese, onde foi bem. Para ganhar experiência, acertou um empréstimo em 2014/15 com o Hellas Verona, onde poderá atuar com mais frequência.

Nas seleções de base, Nicolás Lopéz foi vice-campeão sul-americano – artilheiro da competição com seis gols – e mundial sub-20, em 2013. No Mundial, foi artilheiro da seleção uruguaia com quatro gols e eleito o segundo melhor jogador do torneio (Bola de Prata). Ele ainda participou da campanha do bicampeonato uruguaio do Nacional (2011 e 2012).

——————————————————————————–

Rodrigo Aguirre

Data de Nascimento: 1º de outubro de 1994 (19 anos)

Clubes: Liverpool Montevideo (2011-14), Udinese (2014) e Empoli (2014-atual)

Em 2013/14: 26 partidas (todas como titular, com nove gols)

Disputado por clubes de Portugal e Itália, Rodrigo Aguirre chama atenção pelo bom cabeceio, porte físico, finalização e versatilidade nas posições do ataque. Próximo de acertar transferência para o Porto em abril de 2013, o atacante acabou ficando mais uma temporada na capital uruguaia, o que valeu a pena para o Liverpool Montevideo. O atacante foi bem e rendeu 4 milhões de dólares ao clube formador, vindos da Udinese, oferta mais vantajosa que a apresentada pelos portugueses no ano anterior: 2,7 milhões de dólares.

Mas Rodrigo Aguirre ainda não vai vestir a camisa da Udinese. Ele foi emprestado ao Empoli, que também disputa o Calcio, e lá vai encontrar mais três uruguaios, o que pode facilitar sua adaptação ao futebol da bota. Esse período deve ajudar no amadurecimento do atleta, uma vez que ele tem problemas disciplinares dentro de campo, sendo advertido 18 vezes com cartões amarelos e três com vermelhos, em 63 partidas. Números altíssimos para um atacante.

No Liverpool Montevideo, Rodrigo Aguirre não conquistou títulos. Pelas seleções de base uruguaia, foi o destaque da equipe vice-campeã do Mundial sub-17 de 2011. Rodrigo Aguirre obteve o mesmo resultado no sul-americano da categoria, meses antes. Ele ainda integrou o elenco vice-campeão sul-americano sub-20 de 2013.

Dentro de campo

Começando lá na frente, a movimentação e o bom poder de finalização de Rodrigo Aguirre e Nicolás Lopéz permite a alternância de posições. Ainda que Lopéz tenha velocidade e fôlego para marcar, não possui a mesma eficiência que Diego Rolán. Do lado direito, o atacante é responsável por compor o meio de campo, acompanhando o lateral e pressionando as saídas de bola adversárias.

No meio, Giorgian de Arrascaeta é o cérebro do time. A função é pensar o jogo e distribuir bolas para os companheiros, espalhados no ataque. Mais atrás, ele conta com a ajuda de dois volantes que têm boa qualidade no passe, fazendo com que a bola chegue “redonda”. Federico Gino e Sebastián Cristóforo podem inverter posicionamento de acordo com o apoio do lateral, uma vez que o segundo é mais eficiente no ataque e o primeiro ficaria mais preso à marcação.

Pelas laterais, Gianni Rodríguez é excelente opção no ataque. Com Nicolás Lopéz e Giorgian de Arrascaeta, formar-se-ia um trio poderoso pelo lado esquerdo do gramado. Entretanto, suas subidas teriam que ser cobertas pelos volantes, já que o lateral possui deficiências defensivas. Do outro lado, Guillermo Varela é mais equilibrado e permite consistência maior na faixa direita, dando proteção à zaga e apoio aos meias e atacantes.

Outras joias

Jim Varela: volante do Benfica, 19 anos. Revelado pelo Penãrol, é muito marcador e com grande disposição, fazendo jus ao estilo uruguaio. Em 2013/14 foi emprestado ao Farense, da segunda divisão, para ganhar experiência e atuou em dez partidas. Está de volta aos Encarnados.

Gastón Pereiro: meia do Nacional, 19 anos. Apesar dos quase 1,90m, tem muito controle de bola e habilidade com ela nos pés. Pensa o jogo e distribui bons passes. Em 25 partidas, marcou cinco vezes e contribuiu com sete assistências.

Leonardo Pais: meia do Defensor Sporting, 20 anos. Jogador experiente nas seleções de base, tendo disputado sul-americanos e mundiais nas categorias sub-17 e sub-20. Pela equipe uruguaia, atuou 31 vezes e marcou três gols. Criativo, incansável e boa opção nas jogadas aéreas.

Diego Fagúndez: atacante do New England Revolution (Estados Unidos), 19 anos. Um talento em um futebol em ascensão. Rápido, ágil e de bons passes, consegue vencer a marcação dos zagueiros facilmente. Participa ativamente das jogadas de perigo do time. Em 85 jogos anotou 21 gols e deu 13 assistências.

Rúben Bentancourt: atacante da Atalanta, emprestado ao Bologna, 21 anos. Centroavante típico, jogador de área, finalizador. Comparado a Edinson Cavani, foi revelado pelo Danubio e comprado pelo PSV. Sem chances na Holanda, tenta se firmar no profissional no Campeonato Italiano.

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede