Copa do Mundo 2018: jovens promessas [França]

A seleção

Outras seleções

Alemanha | Argentina | Holanda

Depois de garantir vaga na Copa do Mundo 2014 apenas na repescagem contra a Ucrânia, de forma dramática, as perspectivas para a seleção francesa não eram boas. Para piorar a situação, os dois grandes talentos do país, Franck Ribéry, machucado, e Samir Nasri, em razão de desavença com o treinador Didier Deschamps, não jogaram o torneio. A eliminação nas quartas de final, diante da futura campeã Alemanha, por 1 a 0, em uma partida onde os franceses controlaram todo o segundo tempo, pareceu satisfatória.

Na Copa do Mundo 2018, Paul Pogba deve se consolidar como protagonista dos Les Bleus ao lado de Karim Benzema. O bom meia Mathieu Valbuena terá idade avançada (33 anos) e pode não conseguir desempenhar o excelente papel de coadjuvante visto no Brasil 2014. Por conta disso, a França carece de novos nomes que possam recolocá-la no patamar de favorita a conquistar títulos.

As promessas da França

Alphonse Aréola

Data de nascimento: 27 de fevereiro de 1993 (21 anos)

Clubes: PSG (2012-13), Lens (2013-14), Bastia (2014-atual)

Em 2013/14: 36 partidas (todas como titular)

Apesar de ter disputado apenas duas partidas, sendo uma como titular, e participado da conquista do Campeonato Francês 2012/13 pelo PSG, Alphonse Aréola é visto com um futuro promissor no atual bicampeão da Ligue 1. O jogador de 1,91m tem como pontos fortes os reflexos, as jogadas aéreas e os confrontos de um contra um. Como no clube da capital o italiano Salvatore Sirigu é o titular indiscutível da posição, o jovem goleiro busca bagagem no futebol francês em outras equipes.

Depois da sequência de jogos e o bom desempenho no Le Mans, na Ligue 2, Alphonse Aréola tem a responsabilidade de assumir o gol de um clube da elite. Defendendo a meta do Bastia, já foram quatro partidas até o momento, com seis gols sofridos.

2013 foi especial para Alphonse Aréola. O goleiro foi o herói do título mundial da categoria sub-20. A partida diante do Uruguai terminou empatada e foi para a decisão por pênaltis. A joia do PSG cresceu na disputa e defendeu duas cobranças. A conquista foi uma redenção. Na Eurocopa sub-19, a França caiu na semifinal para a futura campeã, Espanha, justamente nas penalidades.

—————————————————————————-

Dimitri Foulquier

Data de nascimento: 23 de março de 1993 (21 anos)

Clubes: Rennes (2011-13), Granada (2013-atual)

Em 2013/14: 25 partidas (nove como titular)

Dimitri Foulquier é um lateral de excelente vigor físico, muito veloz e com habilidade para efetuar dribles. O jogador pode atuar como ala, já que apoia bem o ataque. Ele integrou o elenco sub-19 na disputa da Eurocopa 2012. Além disso, foi campeão do Mundial sub-20 de 2013. Dimitri Foulquier serve as seleções de base desde 2010, na categoria sub-18, e já atuou em mais de 30 partidas.

Revelado pelos Rennes, o jogador esteve com os profissionais durante três temporadas, disputando 22 partidas e recebendo dois amarelos. No meio de 2013, foi emprestado ao Granada (Espanha). Dimitri Foulquier se adaptou bem ao futebol espanhol e, após o término de seu empréstimo, a equipe espanhola exerceu o direito de compra e pagou 2 milhões de euros aos franceses para ficar com o jogador em definitivo até o meio de 2019. O lateral-direito ainda não estreou na seleção principal.

—————————————————————————-

Kurt Zouma

Data de nascimento: 27 de outubro de 1994 (19 anos)

Clubes: Saint Étienne (2011-14), Chelsea (2014-atual)

Em 2013/14: 27 partidas (20 como titular)

Considerado um dos dez jovens mais promissores do futebol, segundo lista elaborada pelo jornal inglês The Guardian, Kurt Zouma foi um dos pilares da seleção francesa campeã do mundo sub-20 em 2013. Muito forte e rápido, o zagueiro também se destaca nas jogadas aéreas, devido à excelente impulsão. A velocidade, a boa movimentação e a marcação o permitem jogar também como lateral-direito.

Revelado pelo Saint-Étienne em 2011/12, Kurt Zouma defendeu o maior campeão nacional francês em 73 oportunidades, marcando quatro gols, dando duas assistências e recebendo apenas cinco cartões amarelos e um vermelho. No clube francês, ele foi campeão da Copa da Liga 2012/13. Kurt Zouma custou 12 milhões de libras ao Chelsea e tem contrato com a equipe londrina até o fim da temporada 2018/19.

O defensor jogou a Eurocopa sub-17 de 2011, assim como o Mundial da categoria, no mesmo ano. Ele tem passagens por outras seleções de base e atualmente defende a França no qualificatório para a Eurocopa sub-21 de 2015, já tendo marcado um gol. Pelo clube inglês, Kurt Zouma ainda não estreou em jogos oficiais, tendo sido relacionado apenas em jogos de pré-temporada.

—————————————————————————-

Samuel Umtiti

Data de nascimento: 14 de novembro de 1993 (20 anos)

Clubes: Lyon (2011-atual)

Em 2013/14: 42 partidas (41 como titular)

Companheiro de zaga de Kurt Zouma na conquista do Mundial sub-20 de 2013, Samuel Umtiti também fez parte do elenco semifinalista da Eurocopa sub-17 de 2010. Apesar da pouca idade e da responsabilidade de atuar na zaga, o jogador já é titular absoluto no Lyon e até o fim da temporada 2013/14 acumulava 92 partidas, dois gols marcados, 13 cartões amarelos e um vermelho recebidos.

Canhoto e de bons chutes de longa distância e lançamentos, ele pode atuar na lateral-esquerda. O estilo de jogo de Samuel Umtiti rendeu comparações ao veterano defensor Éric Abidal, que também joga em ambas as posições. Grandes times do futebol italiano, como Juventus, Milan e Internazionale de Milão, são apontados como futuro destino do atleta.

Com a camisa do Lyon, Samuel Umtiti foi campeão da Copa da França 2011/12 e da Supercopa da França 2012. Pelas seleções de base, Samuel Umtiti foi chamado pela primeira vez em 2009, para defender a categoria sub-17. Três anos mais tarde, disputou a Eurocopa 2012, pela seleção sub-19. Em 2014/15, o zagueiro esteve em campo em quatro oportunidades, marcando um gol e sendo advertido uma vez com o amarelo.

—————————————————————————-

Benjamin Mendy

Data de nascimento: 17 de junho de 1994 (20 anos)

Clubes: Le Havre (2011-13), Olympique de Marselha (2013-atual)

Em 2013/14: 30 partidas (23 como titular, com dois gols marcados)

Lateral de muito apoio ao ataque, bom preparo físico e veloz. Benjamin Mendy começou sua trajetória entre os profissionais em 2011/12, na Ligue 2, defendendo o Le Havre. Em sua primeira temporada, Benjamin Mendy conseguiu participar de 32 jogos da equipe, sendo 31 deles como titular. O jogador ainda contribuiu com uma assistência e recebeu oito cartões amarelos. Na temporada seguinte, repetiu o número de partidas, mas foi mais eficiente no ataque, com três passes para gol e menos faltoso, recebendo apenas quatro amarelos.

Era hora de Benjamin Mendy se transferir para um grande do país. No Olympique de Marselha, ele foi bem em sua estreia na elite e não sentiu o peso da camisa. Benjamin Mendy marcou seus dois primeiros gols como profissional e ainda deu três assistências.

O lateral-esquerdo tem no currículo passagens por seleções de base e disputou a Eurocopa e o Mundial sub-17 de 2011. Benjamin Mendy ainda foi vice-campeão europeu sub-19 em 2013 e defende a França no qualificatório para a Eurocopa sub-21 de 2015.

—————————————————————————-

Tiemoué Bakayoko

Data de nascimento: 17 de agosto de 1994 (20 anos)

Clubes: Rennes (2013-14), Monaco (2014-atual)

Em 2013/14: 27 partidas (21 como titular, com um gol marcado)

Volante destruidor de jogadas, Tiemoué Bakayoko tem como pontos fortes a marcação, o desarme e o cabeceio, este que lhe rendeu o único gol marcado pela equipe principal do Rennes. Apesar da posição defensiva e da temporada de estreia pelos profissionais, o jogador não foi muitas vezes advertido com cartões – recebeu apenas quatro amarelos.

Cobiçado pelo Liverpool, Tiemoué Bakayoko acabou assinando com o Monaco até julho de 2019. A imprensa francesa especula que o atual vice-campeão francês tenha gasto 8 milhões de euros para contar com o jogador. No novo clube, Tiemoué Bakayoko vai jogar a Liga dos Campeões da UEFA, torneio que a equipe do Principado não disputa há dez temporadas. O volante passou pelas seleções de base desde a categoria sub-16 e esteve no elenco do Mundial sub-17 de 2011 e da equipe vice-campeã do Torneio de Toulon na categoria sub-20, em 2014.

—————————————————————————-

Geoffrey Kondogbia

Data de nascimento: 15 de fevereiro de 1993 (21 anos)

Clubes: Lens (2010-12), Sevilla (2012-13), Monaco (2013-atual)

Em 2013/14: 31 partidas (20 como titular, com um gol marcado)

Geoffrey Kondogbia é um volante de muita força física, boa marcação, raça e visão de jogo. O jogador chega ao ataque com arrancadas, devido a um bom controle de bola. Ele ainda é uma alternativa nas jogadas aéreas. Em duas temporadas entre os profissionais do Lens, disputou 39 partidas, marcou um gol, deu duas assistências e recebeu oito cartões amarelos.

No Sevilla, os números melhoraram. Geoffrey Kondogbia esteve em campo 40 vezes, voltou a marcar uma vez, deu três assistências e recebeu seis amarelos. No início de agosto de 2013, o Monaco pagou cerca de 20 milhões de euros para contar com o jogador. Campeão mundial sub-20 em 2013,  Geoffrey Kondogbia é alvo do Arsenal. Em 2014/15, o volante já atuou em quatro partidas pela Ligue 1.

—————————————————————————-

Adrien Rabiot

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 3 de maio de 1995 (19 anos)

Clubes: PSG (2012-13), Toulouse (2013), PSG (2013-atual)

Em 2013/14: 34 partidas (17 como titular, com três gols)

Volante de boa chegada ao ataque, Adrien Rabiot se destaca pela condução de bola, bons passes e desarmes. Revelado no atual bicampeão nacional, o jogador, apesar de talentoso, não agradou ao técnico Laurent Blanc. Por este motivo, passou a ser cobiçado por grandes clubes do continente, como Arsenal, Tottenham, Liverpool e Roma.

Adrien Rabiot chegou aos profissionais com apenas 17 anos, em 2012. Na primeira metade da temporada 2012/13, foram nove partidas pelo time da capital. Precisando de experiência e com uma forte concorrência no meio de campo do milionário PSG, o volante foi para o Toulouse, onde atuou em 13 jogos, marcou um gol e deu três assistências. Adrien Rabiot voltou para a equipe parisiense e conquistou a Ligue 1 e a Copa da Liga.

Pelas seleções de base, Adrien Rabiot representa a França desde a categoria sub-16. Em 2013, o jogador participou do vice-campeonato da Eurocopa sub-19. O volante ainda não estreou pela seleção principal.

—————————————————————————-

Florian Thauvin

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 26 de janeiro de 1993 (21 anos)

Clubes: Grenoble (2010-11), Bastia (2011-13), Olympique de Marselha (2013-atual)

Em 2013/14: 41 partidas (30 como titular, com dez gols marcados)

Florian Thauvin foi, ao lado de Paul Pogba, destaque da seleção francesa campeã do mundo em 2013, na categoria sub-20. O jogador era o cérebro da equipe e atormentava as defesas adversárias com muita movimentação, habilidade e bons chutes. Naquele time, o camisa 14 do Olympique de Marselha atuava mais centralizado, posição diferente da que ocupa no clube.

Na equipe francesa comandada por Marcelo Bielsa, Florian Thauvin joga em um trio de ataque pelo lado direito, explorando sua velocidade e os chutes em diagonal. Antes de chegar a umas das principais equipes da França, o jogador conquistou a Ligue 2 pelo Bastia, em 2011/12. Na temporada seguinte, ainda pelo Bastia, foi eleito o melhor jogador jovem do ano na elite francesa, após marcar dez vezes e distribuir três assistências em 32 partidas. Em 2013/14, os passes para gols aumentaram para seis.

Florian Thauvin está na lista dos dez talentos mais promissores, elaborada pelo jornal inglês The Guardian, em 2014. O meia-atacante tem passagens pelas seleções de base desde a categoria sub-18, mas ainda não estreou na principal. Florian Thauvin defende a seleção no qualificatório para a Eurocopa sub-21 de 2015 e já anotou dois gols. Nesta temporada são quatro partidas, com um gol marcado e duas assistências.

—————————————————————————-

Anthony Martial

Data de nascimento: 5 de dezembro de 1995 (18 anos)

Clubes: Lyon (2012-13), Monaco (2013-atual)

Em 2013/14: 15 partidas (nove como titular, com dois gols marcados)

Atacante de muita velocidade e habilidade, Anthony Martial estreou nos profissionais um dia após completar 17 anos. As quatro partidas no Lyon e as participações de destaque nas seleções de base, onde disputou as Eurocopas sub-17 de 2012 e sub-19 de 2013, valeram para levá-lo ao milionário Monaco. Anthony Martial chegou ao clube do Principado por 5 milhões de euros e tem contrato válido até o meio de 2016.

A primeira temporada de Anthony Martial foi de adaptação ao novo clube que, com um elenco de peso e vice-campeão francês, não permitiu muitas oportunidades ao talentoso atacante. Em 2014/15, o Monaco está de volta à Liga dos Campeões e, sem as duas principais peças da temporada passada (Falcão Garcia e James Rodriguez), a equipe precisa de novos protagonistas. Anthony Martial tem tudo para despontar com a camisa monegasca. Por enquanto, na Ligue 1, o atacante atuou em três partidas, todas vindo do banco, e não balançou as redes.

—————————————————————————-

Yaya Sanogo

Imagem de Amostra do You Tube

Data de nascimento: 27 de janeiro de 1993 (21 anos)

Clubes: Auxerre (2010-13), Arsenal (2013-atual)

Em 2013/14: 14 partidas (quatro como titular)

Campeão mundial sub-20 em 2013, Yaya Sanogo foi o artilheiro francês na competição, com quatro gols em sete jogos. O atacante chegou ao Mundial após boas atuações pelo Auxerre. A estreia pelo clube francês aconteceu em 26 de janeiro de 2010, um dia antes de completar 17 anos. Ao todo, ele disputou 24 partidas e marcou 11 gols, além de contribuir com uma assistência.

A primeira competição de peso que Yaya Sanogo disputou foi a Eurocopa sub-17 de 2010, com dois gols anotados – a França foi eliminada na semifinal pela Inglaterra. E é no país britânico que o jogador está atualmente – contrato de cinco anos com o Arsenal em 2013.

A temporada 2014/15 tinha tudo para ser a de afirmação da promessa, ainda mais depois da atuação de gala na Emirates Cup. Em duelo contra o Benfica, Yaya Sanogo anotou quatro gols na goleada de 5 a 1. Mas as chegadas de Alexis Sánchez e Danny Welbeck devem diminuir as chances do atacante na equipe titular.

Dentro de campo

Esta França jogaria num esquema 4-3-3. O trio defensivo composto pelos zagueiros Kurt Zouma, Samuel Umtiti e pelo volante Tiemoué Bakayoko tem muita qualidade na marcação e daria proteção ao gol defendido por Alphonse Aréola. Além disso, a presença dos também volantes Geoffrey Kondogbia e Adrien Rabiot possibilitaria um maior apoio dos laterais, já que estes teriam uma cobertura na defesa.

Tanto Dimitri Foulquier quanto Benjamin Mendy têm características ofensivas e podem ser peças decisivas para a conclusão das jogadas, uma vez que Yaya Sanogo é ótimo cabeceador e pode aproveitar os cruzamentos de ambos os laterais.

Apesar de contar com três volantes no meio de campo, a equipe não deixaria de ser ofensiva. A dupla formada por Geoffrey Kondogbia e Adrien Rabiot tem boa chegada ao ataque, o primeiro mais na base do arranque, enquanto o segundo utiliza mais as trocas de passes e movimentação. Soma-se a isso a qualidade na armação das jogadas e poucos erros de passes de ambos os jogadores.

Lá na frente, a velocidade de Anthony Martial seria explorada em jogadas de linha de fundo ou penetração, buscando tabelinhas com Benjamin Mendy pela faixa esquerda do gramado ou com Yaya Sanogo na referência dentro da área. Já Florian Thauvin atuaria de forma livre, podendo ocupar o lado direito, posição na qual atua no Olympique de Marselha, ou centralizar, e assim receber bolas vindas dos volantes e pensar o jogo, como um legítimo camisa 10.

Outras joias

Aymeric Laporte: zagueiro do Athletic Bilbao, 20 anos. Titular da equipe basca, o jogador já atuou 59 vezes e marcou duas vezes em três temporadas. As principais qualidades são o cabeceio e a marcação. A promessa defendeu a França no Mundial e nas Eurocopas sub-17 de 2011 e sub-19 de 2013.

Youssouf Sabaly: lateral-direito do PSG, emprestado ao Évian, 21 anos. Rápido e de bom cruzamento, o jogador foi campeão mundial sub-20 em 2013. Sem espaço na equipe parisiense em 2014/15, ele atua pela segunda vez seguida emprestado ao Évian. Na primeira passagem, disputou 39 jogos, todos como titular.

Neal Maupay: meia-atacante do Nice, 18 anos. Estreante na equipe profissional com apenas 16 anos e um mês, o jogador é veloz, habilidoso e bom finalizador. Em 38 aparições com a camisa da equipe francesa, marcou sete gols.

Jean Christophe Bahebeck: atacante do PSG, 21 anos. Campeão mundial sub-20 em 2013, o atacante também foi o artilheiro do Torneio de Toulon sub-20 de 2014. O jogador também participou da Eurocopa sub-19 de 2012. Desde 2011/12 nos profissionais, ele foi emprestado nas duas temporadas seguintes para Troyes (31 partidas e cinco gols) e Valenciennes (21 partidas e dois gols).

Kingsley Coman: atacante da Juventus, 18 anos. Jogador mais jovem a atuar pelo PSG na Ligue 1, com 16 anos, oito meses e quatro dias. Com o término de contrato com o atual campeão francês, assinou com o italiano por cinco temporadas em julho de 2014. Pela Vecchia Signora, foi titular na partida de estreia no Calcio, contra o Chievo. Em junho de 2014, estreou pela seleção sub-21 e marcou um gol na vitória de 6 a 0 sobre Cingapura.

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede