Futebol brasileiro: veja os times que desistiram de torneios em 2016 [ESPECIAL]

Pesquisa realizada por Juliano Ravanelli, colaborador do Plano Tático

O futebol brasileiro viveu seu pior momento na queda em pleno estádio Mineirão para a seleção da Alemanha nas semifinais da Copa 2014. Aqueles estrondosos 7 a 1 a favor dos europeus foi uma humilhação sem tamanho, algo que nunca será esquecido por aqueles que estavam nas arquibancadas ou assistiam ao jogo pela TV.

O técnico Tite chegou, e a seleção melhorou estrondosamente, fazendo campanha sólida nas eliminatórias da Copa 2018. Porém, não é saudável unir os comandados do ex-técnico corinthiano com o futebol brasileiro, pois são esferas diferentes. No cenário local, os times maiores têm muito dinheiro à disposição, mas gastam com jogadores sem qualquer qualidade e acabam se endividando aos montes.

E o futebol brasileiro tem outro grave problema: as equipes menores estão enfrentando graves dificuldades financeiras, também por conta da situação calamitosa da economia nacional, o que impede a ajuda do poder público, do qual muitos são equivocadamente dependentes. Assim, muitos dos clubes do futebol brasileiro desistiram das competições profissionais em 2016, a maioria nos estaduais.

E o Plano Tático faz esse balanço inédito ao fim da temporada e certamente repetiremos a dose em dezembro de 2017. Nós encontramos 56 CLUBES QUE DESISTIRAM EM 2016, mas contamos com a sua ajuda, caro leitor, pois podemos ter nos esquecido de alguém! O Plano Tático fica torcendo para que menos times do futebol brasileiro deixem de entrar em campo!

Região Sul

Nacional de Rolândia (Paraná)

Nome completo. Nacional Atlético Clube Sociedade Civil

Fundação.  28 de abril de 1947 (69 anos)

Cidade. Rolândia (64 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do PR (2003 e 2008) e 3ª divisão do PR 1998

Campanha em 2015. 11º lugar (penúltimo) na 1ª divisão com 12 pontos em 17 jogos (3v, 3e, 11d)

Motivo da desistência. O Nacional de Rolândia tinha um contrato em que a prefeitura cedia o estádio Erich Georg desde 1995 por 20 anos. O vínculo terminou e o prefeito interino José de Paula Martins não teve interesse em fazer um projeto de comodato. Sem direito de usar o local, o Nacional de Rolândia desistiu.

Curiosidade. O Nacional de Rolândia disputou a elite paranaense por 15 vezes

————————————————————

Cambé (Paraná)

Nome completo.  Clube Atlético Cambé

Fundação. 13 de março de 1989 (27 anos)

Cidade. Cambé (104 mil habitantes)

Títulos. Nenhum, foi vice na 3ª divisão do PR em 2015

Campanha em 2015. Vice-campeão com 5 pontos em 6 jogos (1v, 3e, 2d)

Motivo da desistência. O Cambé começou a jogar a 2ª divisão do PR normalmente, mas, após a partida diante do Apucarana Sports, a equipe não pagou as taxas de arbitragem e foi suspensa por abandono de competição. Os resultados foram anulados e desconsiderados.

Curiosidade. O Cambé, que nunca jogou a elite do Paraná, não vai poder disputar nada em 2017, já que está suspenso por um ano pela federação.

————————————————————

Colorado (Paraná)

Nome completo.  Colorado Atlético Clube

Fundação. 20 de abril de 1998 (18 anos)

Cidade. Colorado (24 mil habitantes)

Títulos. Nenhum, mas foi vice na 3ª divisão 1998 e 2012

Campanha em 2015. Não disputou

Motivo da desistência. Numa confusão danada, a federação paranaense chegou a excluir o Colorado por causa de um WO na quarta rodada da 3ª divisão, o que feria o regulamento da competição. O TJD/PR percebeu e mandou a entidade aceitar de volta o Colorado, que teria de jogar 19 vezes em novembro para tirar as partidas em atraso. O Colorado voltou, mas não compareceu nos dois jogos marcados e foi excluído do torneio e teve os resultados anulados. O clube ainda está suspenso de todas as competições em 2017 e pagará multa de R$ 5 mil.

————————————————————

Cianorte (Paraná)

Lembrança do leitor Álison do Amaral

Nome completo. Cianorte Futebol Clube

Fundação. 13 de fevereiro de 2002 (14 anos)

Cidade. Cianorte (79 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do PR 2016

Campanha em 2015. Rebaixado à segunda divisão estadual em 2014, o Cianorte disputou a competição sonhando com o acesso, mas não foi possível. O time até se classificou com a quarta melhor campanha (oito dos dez times avançaram), mas sucumbiu nas quartas de final diante do Grêmio Araponguense nos pênaltis (4 a 3), ficando na segunda divisão. Em 2016, o Cianorte alcançou o acesso com o título e volta à elite paranaense em 2017.

Motivo da desistência. O Cianorte era o campeão da segunda divisão e por isso mesmo não quis disputar a Taça FPF, torneio que dá ao vencedor uma vaga na Série D 2017. O presidente Lucas Franzato justificou a desistência afirmando que o atual elenco do Cianorte tem idade superior ao máximo exigido pelo torneio.

Ele também informou que pretende investir o dinheiro na renovação dos contratos dos jogadores e não trazendo atletas mais jovens para disputar a Taça FPF. Por último, Lucas Franzato alegou insegurança jurídica, já que a federação paranaense está ofertando uma vaga na Série D, mas a CBF tem no regulamento que apenas torneios com o mínimo de quatro times da elite estadual, o que não ocorreu na Taça FPF.

————————————————————

Novo Horizonte (Rio Grande do Sul)

Nome completo. Esporte Clube Novo Horizonte

Fundação. 28 de dezembro de 2008 (sete anos)

Cidade. Esteio (84 mil habitantes)

Títulos. nenhum

Campanha em 2015. O clube se profissionalizou em 2016

Motivo da desistência. O Novo Horizonte não pagou as taxas da CBF para se profissionalizar e, assim, não pôde inscrever jogadores, sendo obrigado a desistir.

Curiosidade. O presidente do clube, Rudimar Marques Cardozo, era jogador de futebol, mas teve de interromper a carreira por causa de uma grave lesão. Apaixonado por futebol, ele acabou virando dirigente e fundando o clube. No segundo semestre, participou da Copa RS.

————————————————————

14 de Julho (Rio Grande do Sul)

Nome completo. Esporte Clube 14 de Julho

Fundação. 14 de julho de 1902 (114 anos)

Cidade. Sant’Ana do Livramento (82 mil habitantes)

Títulos. Nenhum (no amador, tem 40 taças do campeonato citadino)

Campanha em 2015. 9º lugar (penúltimo) com 5 pontos em 8 jogos (1v, 2e, 5d)

Motivo da desistência. O estádio não tinha condições e o custo para adequá-los às exigências era muito alto, de quase R$ 60 mil

Curiosidade. O 14 de Julho tem cinco participações na elite do Campeonato Gaúcho nos anos de 1927, 1949, 1952, 1958 e 1960 e já terminou na terceira posição três vezes.

————————————————————

Riopardense (Rio Grande do Sul)

Nome completo. Associação Esportiva Social e Recreativa Riopardense

Fundação. 27 de julho de 2009 (sete anos)

Cidade. Rio Pardo (39 mil habitantes)

Títulos. nenhum

Campanha em 2015. Não jogou nada, foi rebaixado da 2ª divisão do RS em 2014

Motivo da desistência.  O estádio não tinha condições e o custo para adequá-los às exigências era muito alto, de quase R$ 60 mil

————————————————————

Garibaldi (Rio Grande do Sul)

Nome completo. Associação Garibaldi de Esportes

Fundação. 18 de agosto de 1998 (18 anos)

Cidade. Garibaldi (33 mil habitantes)

Títulos. nenhum

Campanha em 2015. 10º lugar (último) com zero ponto em 8 jogos (0v, 0e, 8d)

Motivo da desistência. Com um novo projeto para fortalecer o Garibaldi, a diretoria preferiu deixar de disputar competições em 2016 para se concentrar nas reformas do estádio Alcides Santarosa, além de fortalecer as categorias de base e aproximar-se da população da cidade. Os custos das obras no local, o valor das taxas de arbitragem e apenas uma vaga de acesso foram outros motivos que resultaram na desistência da equipe. O time só teve ação na base.

Curiosidade. O Guarany é o nome anterior do Garibaldi e teve dois ilustres personagens do futebol brasileiro no clube. Luis Felipe Scolari foi jogador e técnico da equipe nos anos 1960 e o Guarany também foi o primeiro time comandado por Tite, atual treinador da seleção brasileira – ficou um ano e meio entre 1990 e 1991, indo depois para o Caxias/RS.

————————————————————

Palmeirense (Rio Grande do Sul)

Nome completo. Esporte Clube Palmeirense

Fundação. 27 de maio de 1919 (97 anos)

Cidade. Palmeira das Missões (35 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do RS de 2001

Campanha em 2015. 4º lugar com 32 pontos em 16 jogos (10v, 2e, 4d)

Motivo da desistência. O estádio não tinha condições e o custo para adequá-los às exigências era muito alto, de quase R$ 60 mil

Curiosidade. Em 1995, o Palmeirense foi vice-campeão da 2ª divisão do RS

————————————————————

Atlético de Ibirama (Santa Catarina)

Nome completo. Clube Atlético Hermann Aichinger

Fundação. 20 de setembro de 1951 (65 anos)

Cidade. Ibirama (18.500 habitantes)

Títulos. 2ª divisão estadual (1993 e 2001). Teve 2 vices catarinenses (2004 e 2005)

Campanha em 2015: 8º lugar, disputou os playoffs de rebaixamento, se salvando por um ponto. 15 jogos (4v, 4e, 7d)

Motivo da desistência. O presidente Ayres Marchetti banca o clube com recursos próprios desde 2011 já que, segundo ele, patrocínios, bilheteria e TV cobrem apenas 20% a 30% do custo total. O Corpo de Bombeiros pediu reformas no estádio da Baixada, que estavam orçadas em R$ 60 mil, reduzindo a capacidade do local de 900 para 400 lugares. Por isso, o dirigente pediu licença da federação por no mínimo uma temporada.

Curiosidade. Foi o primeiro clube profissional de Leandro Damião

————————————————————

Juventus Seara (Santa Catarina)

Nome completo. Clube Atlético Juventus Seara

Fundação. 20 de outubro de 1962, 54 anos (profissionalizou-se em 2013)

Cidade. Seara (17 mil habitantes)

Títulos. 3ª divisão de SC em 2014

Campanha em 2015. 4º lugar com 26 pontos em 18 jogos (8v, 2e, 8d)

Motivo da desistência. O empresário André Schumann, presidente de honra do clube, alegou falta de condições financeiras, já que estava difícil manter e procurar patrocinadores. E isso piorou com a queda de público pela metade no estádio Victório Pierozan. As divisões de base até o sub-15 foram mantidas.

Curiosidade. André Schumann profissionalizou o Juventus de Seara, que era apenas um time de base em Santa Catarina. Na 3ª divisão de 2014, o time ganhou 11 jogos seguidos e teve como artilheiro do certame com dez gols o veterano Rodrigo Gral, revelado pelo Grêmio na década de 1990.

————————————————————

Santa Catarina (Santa Catarina)

Nome completo.  Santa Catarina Clube

Fundação. 11 de dezembro de 1998 (18 anos)

Cidade. Blumenau (344 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. 4º lugar na 3ª divisão com 19 pontos em 13 jogos (6v, 1e, 6d)

Motivo da desistência. O Santa Catarina disputou quatro das cinco partidas no 1º turno da 3ª divisão, terminando na lanterna com um ponto (0v, 1e, 3d), já que deu WO na rodada final. No início do returno, foram mais dois WO’s, o que resultou na exclusão do time pela federação.

Curiosidade. O Santa Catarina revelou o atacante Amauri, que jogou na base do clube em 1999 e 2000 e foi se profissionalizar no Napoli. Amauri se naturalizou italiano, jogou uma partida na seleção em 2010 e, depois de deixar o Torino, defende o Fort Lauderdale Strikers/EUA.

————————————————————

Região Centro-oeste

Samambaia (Distrito Federal)

Nome completo. Futebol Clube Samambaia

Fundação. 29 de janeiro de 1993 (23 anos)

Cidade. Samambaia (220 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do DF 2014

Campanha em 2015. Desistiu da 1ª divisão

Motivo da desistência. O Samambaia já havia desistido de jogar a elite em 2015 e foi rebaixado automaticamente. Em 2016, o clube confirmou que não disputaria a 2ª divisão.

Curiosidade. O Samambaia já viveu outros episódios de bagunça, quando deu dois WO por não pagamento das taxas de arbitragem e ficou devendo a mixaria de R$ 2,1 mil.

—————————————————————

Legião (Distrito Federal)

Nome completo. Legião Futebol Clube

Fundação. 11 de maio de 2006 (dez anos)

Cidade. Brasília (2,9 milhões de habitantes)

Títulos. 3ª divisão do Campeonato Brasiliense 2006

Campanha em 2015. 8º lugar com 12 pontos em 11 jogos (3v, 3e, 5d) na 2ª divisão

Motivo da desistência. Não informado, possivelmente financeiro

Curiosidade. O nome Legião é uma homenagem à banda Legião Urbana e o time começou como amador em 2001, sendo originário do projeto Legião de Craques, dando atenção às crianças de baixa renda.

—————————————————————

Capital (Distrito Federal)

Nome completo. Capital Futebol Clube Ltda.

Fundação. 5 de julho de 2005 (11 anos)

Cidade. Guará (113 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do Campeonato Brasiliense 2005

Campanha em 2015. 10º lugar com 9 pontos em 11 jogos (3v, 0e, 8d)

Motivo da desistência. Não há informações

Curiosidade. O Capital FC tem esse nome em homenagem à banda Capital Inicial, o que levou o público a introduzir o Clássico do Rock entre Capital e Legião. Foram cinco jogos na história, com três vitórias do Legião, uma do Capital e um empate.

—————————————————————

Umuarama (Goiás)

Nome completo.  Umuarama Esporte Clube

Fundação. 15 de novembro de 1965 (51 anos)

Cidade. Iporá (32 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. 9º lugar (último) com zero ponto em 6 jogos (0v, 0e, 6d)

Motivo da desistência. Os cinco times jogariam em ida e volta, totalizando oito partidas. Mas o Umuarama desistiu após o fim do primeiro turno (o Plano Tático não encontrou o motivo) e seus resultados restantes foram 3 a 0 para os adversários. O time tinha somado um ponto em quatro partidas.

Curiosidade. O Umuarama ficou longos anos na inatividade e voltou em 2010, vencendo o torneio amador que serve de promoção para a 3ª divisão de Goiás.

—————————————————————

Rondonópolis (Mato Grosso)

Nome completo. Rondonópolis Esporte Clube

Fundação. 10 de dezembro de 2006 (10 anos)

Cidade. Rondonópolis (219 mil habitantes)

Títulos. nenhum

Campanha em 2015. 4º lugar com 19 pontos em oito jogos (5v, 4e, 7d)

Motivo da desistência. Problemas internos entre os sócios que comandam o clube. O sócio Marino Schimidt foi afastado e, segundo o presidente, ele seria o único a colocar dinheiro no clube.

Curiosidade. Revelou Valdívia, atualmente no Internacional de Porto Alegre

————————————————————

Cacerense (Mato Grosso)

Nome completo.  Cacerense Esporte Clube

Fundação. 5 de julho de 2005 (11 anos)

Cidade. Cáceres (91 mil habitantes)

Títulos. Campeonato Matogrossense 2007 e Copa MT 2006

Campanha em 2015. No estadual, o Cacerense teve zero ponto em 8 jogos (2v, 2e, 4d), terminando na nona e penúltima posição. O time perdeu oito pontos por escalação irregular de jogadores, mas não houve rebaixamento naquele ano.

Motivo da desistência. O Cacerense desistiu de disputar a Copa MT de 2016, um torneio sub-21 que dá vaga ao campeão para a Copa do Brasil 2017, por problemas financeiros.

————————————————————

Operário Ltda. (Mato Grosso)

Nome completo.  Operário Futebol Clube Ltda.

Fundação. 2011 (5 anos)

Cidade. Várzea Grande (271 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão de MT 2015

Campanha em 2015. Na 2ª divisão, o Operário FC teve apenas seis jogos (ida e volta) e somou 15 pontos (5v, 0e, 1d), sendo campeão e promovido.

Motivo da desistência. Também na Copa MT de 2016, o Operário FC alegou falta de dinheiro e necessidade de se reestruturar para desistir do torneio.

Curiosidade. Com as saídas de Cacerense e Operário FC, o Grupo A da Copa MT teve apenas Mixto e Luverdense, que jogaram duas partidas, mas já estavam classificados às semifinais. Favor não confundir o Operário FC com o CEOV, o tradicional de Várzea Grande.

————————————————————

CEOV (Mato Grosso)

Nome completo.  Clube Esportivo Operário Várzea Grandense

Fundação. 1º de maio de 1949 (67 anos)

Cidade. Várzea Grande (271 mil habitantes)

Títulos. 14 vezes campeão matogrossense (1964, 1967, 1968, 1972, 1973, 1983, 1985, 1986, 1987, 1994, 1995, 1997, 2002 e 2006) e da Copa MT 2005

Campanha em 2015. 2º lugar na 1ª divisão com 12 pontos em 10 jogos (4v, 1e, 2d)

Motivo da desistência. Éder Taques, membro da diretoria provisória do clube, informou que o CEOV não tinha planos de jogar a Copa MT de 2016, pois pretende se reorganizar fora de campo com vistas a disputa o estadual de 2017.

————————————————————

Itaporã (Mato Grosso do Sul)

Nome completo. Itaporã Futebol Clube

Fundação. 5 de março de 2008 (oito anos)

Cidade. Itaporã (23 mil habitantes)

Títulos. Campeão da 2ª divisão MS em 2008 e 2015

Campanha em 2015. 1º lugar  com 24 pontos em 12 jogos (7v, 3e, 2d)

Motivo da desistência. O empresário Tony Montalvão é conhecido no futebol e costuma investir nos clubes. Deu certo com o Itaporã na 2ª divisão estadual, mas o empresário queria o apoio da cidade para continuar à frente do clube. Como ninguém apareceu, ele alegou falta de dinheiro e o Itaporã desistiu.

Curiosidade. A maioria dos jogadores do Itaporã e o técnico Nei César foram para o Misto/MS. É bom lembrar que o Itaporã também desistiu da Série D 2014 durante o torneio.

—————————————————————

CENE (Mato Grosso do Sul)

Nome completo.  Clube Esportivo Nova Esperança

Fundação. 15 de dezembro de 1999 (17 anos)

Cidade. Campo Grande (864 mil habitantes)

Títulos. 6 Campeonatos Sul-Matogrossenses (2002, 2004, 2005, 2011, 2013 e 2014)

Campanha em 2015. 12º lugar na 1ª divisão (último) com 7 pontos em 10 jogos (1v, 4e, 5d), rebaixado a três pontos de se salvar.

Motivo da desistência. O presidente do clube, José Rodrigues, queria disputar a 2ª divisão do MS, mas alegou dificuldades financeiras para entrar em campo, já que patrocinadores que iriam contribuir não confirmaram o apoio. Como a tabela ainda não havia sido publicada, o clube não será punido e pode disputar a 2ª divisão em 2017.

Curiosidade. O nome do clube é porque ele foi fundado na fazenda Nova Esperança, do Reverendo Moon, que criou uma seita e tinha outros clubes no Brasil, como o Atlético Sorocaba, que desistiu da Série A3 2017. A maior revelação do CENE foi Keirrison, que brilhou no Londrina e no Coritiba, foi bem no Palmeiras e chegou a ser contratado pelo Barcelona, mas não deu certo e voltou ao time paranaense em 2016.

—————————————————————

Maracaju (Mato Grosso do Sul)

Nome completo.  Maracaju Atlético Clube

Fundação. 12 de outubro de 1986 (30 anos)

Cidade. Maracaju (44 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão de MS 2004

Campanha em 2015. 4º lugar geral da 2ª divisão com 12 pontos em 12 jogos (3v, 3e, 6d)

Motivo da desistência. O presidente e técnico do Maracaju, Erlei Pires Dias, precisava de R$ 22 mil para pagar as taxas de inscrição dos 22 jogadores do time no BID da CBF. Porém, quem prometeu ajuda pulou fora e, após uma conversa com o prefeito, o dirigente achou melhor retirar o time e voltar mais estruturado numa outra oportunidade.

Curiosidade. O Maracaju iria começar a 2ª divisão já classificado às semifinais por causa da desistência do Ubiratan e ainda combinou com os jogadores que não pagaria salários. Mesmo assim, acabou desistindo.

—————————————————————

Ubiratan (Mato Grosso do Sul)

Nome completo.  Ubiratan Esporte Clube

Fundação. 5 de fevereiro de 1947 (69 anos)

Cidade. Dourados (215 mil habitantes)

Títulos. 3 Campeonatos Sul-Matogrossenses (1990, 1998 e 1999) e 2ª divisão 2013

Campanha em 2015. 11º lugar na 1ª divisão com 8 pontos em 10 jogos (2v, 2e, 6d)

Motivo da desistência. Até um mês antes do início da 2ª divisão, o presidente Joaquim Soares esperava a definição de patrocinadores para confirmar participação. O Ubiratan enviou propostas a 50 empresas e agentes públicos, mas faltavam R$ 60 mil para custear as despesas. Vários jogadores já estavam apalavrados, mas o clube não conseguiu dinheiro e desistiu, sendo suspenso por dois anos de competições, já que a tabela havia sido publicada.

Curiosidade. Em 1999, o Ubiratan foi campeão invicto do estadual

—————————————————————

Região Nordeste

Santa Cruz (Rio Grande do Norte)

Nome completo. Sport Club Santa Cruz

Fundação. 30 de novembro de 2003 (13 anos)

Cidade. Santa Cruz (39 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão RN de 2004 e Copa FNF 2013

Campanha em 2015. 5º lugar geral com 20 pontos em 16 jogos (6v, 2e, 8d)

Motivo da desistência. Devido à grave seca que castigou a região, o clube não conseguiria manter o gramado do estádio Iberezão em condições. Seriam gastos aproximadamente R$ 150 mil e, como não houve apoio da prefeitura e de empresas da cidade, não havia como custear.

Curiosidade. Favor não confundir este Santa Cruz com o time homônimo, com sede em Natal. A outra equipe subiu para a elite potiguar em 2016.

————————————————————

Corintians de Caicó (Rio Grande do Norte)

Nome completo. Atlético Clube Corintians

Fundação. 25 de janeiro de 1968 (48 anos)

Cidade.Caicó (68 mil habitantes)

Títulos. Campeonato Potiguar 2001 e Copa RN 2010

Campanha em 2015. 9º lugar geral com seis pontos em 11 jogos (1v, 3e, 7d). Disputou os playoffs de rebaixamento e venceu o Força e Luz, permanecendo na elite

Motivo da desistência. O presidente Raimundo Inácio Lobão enviou carta à federação potiguar informando que não havia condições de custear uma equipe por causa da falta de patrocinadores. O clube quase assinou uma parceria com a Ravena Assessoria Esportiva, mas a assessoria jurídica do Corintians sugeriu não assinar o acordo porque uma cláusula deixava todo o departamento de futebol com os empresários, sem influência dos dirigentes do clube.

—————————————————————

Serrano (Bahia)

Nome completo.  Serrano Sport Club

Fundação. 22 de setembro de 1978 (36 anos)

Cidade. Vitória da Conquista (346 mil habitantes)

Títulos. Seletiva para a 2º divisão da BA 1992 e 1ª fase da elite de 2014

Campanha em 2015. 12º lugar (último) na 1ª divisão com 8 pontos em 8 jogos (2v, 2e, 4d)

Motivo da desistência. O Serrano desistiu para focar na reestruturação do clube, cujo objetivo principal é a construção do CT. O time disputou os estaduais infantil e juvenil.

—————————————————————

América (Ceará)

Nome completo. América Football Club

Fundação. 11 de novembro de 1920 (96 anos)

Cidade. Fortaleza (2,6 milhões de habitantes)

Títulos. Campeonato Cearense (1935 e 1966), 3ª divisão do CE (2013)

Campanha em 2015. 10º lugar (último) com 7 pontos em 18 jogos (2v, 5e, 11d), pois perdeu 4 pontos em julgamento do TJD/CE

Motivo da desistência. Problemas financeiros

Curiosidade. O tradicional América já revelou Canhoteiro, que começou a carreira no clube em 1949 e indo para o São Paulo seis anos depois, além de ter defendido a seleção brasileira entre 1956 e 1959, com um gol em 18 jogos. O América cearense já jogou 64 vezes a elite estadual.

—————————————————————

Crateús (Ceará)

Nome completo. Crateús Futebol Clube

Fundação. 1º de fevereiro de 2001 (15 anos)

Cidade. Crateús (74 mil habitantes)

Títulos. 3ª divisão do CE 2004 e 2010

Campanha em 2015. 7º lugar com 21 pontos em 18 jogos (5v, 6e, 7d)

Motivo da desistência. Problemas financeiros

—————————————————————

São Benedito (Ceará)

Nome completo. Associação Atlética São Benedito

Fundação. 20 de janeiro de 2005 (11 anos)

Cidade. São Benedito (47 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do CE 2014 e 3ª divisão do CE 2005

Campanha em 2015. 10º lugar (último) com 6 pontos em 11 jogos (1v, 3e, 11d)

Motivo da desistência.                A falta de organização na direção do clube atrapalhou o planejamento e o São Benedito precisou desistir por falta de patrocinadores.

Curiosidade. O São Benedito jogou duas vezes a elite cearense, em 2013 e 2015.

—————————————————————

Quixadá (Ceará)

Nome completo. Quixadá Futebol Clube

Fundação. 27 de outubro de 1965 (51 anos)

Cidade. Quixadá (86 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do CE 1967

Campanha em 2015. No estadual, 5º lugar com 24 pontos em 16 jogos (7v, 3e, 4d)

Motivo da desistência. O presidente do clube, Eleri Ferreira, alegou pendências financeiras para sair da Copa Fares Lopes 2016 já com a tabela publicada, o que rendeu punição de dois anos sem disputar o torneio. Com dívidas do Campeonato Cearense, o Quixadá preferiu usar o dinheiro de parcela do convênio com a prefeitura para quitar os débitos com 16 jogadores e toda a comissão técnica do estadual. Coisa de R$ 25, R$ 30 mil.

—————————————————————

Cruzeiro (Paraíba)

Nome completo. Cruzeiro Esporte Clube

Fundação. 28 de outubro de 1969 (47 anos)

Cidade. Itaporanga (25 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão da PB 2007

Campanha em 2015. 10º lugar na 2ª divisão com 3 pontos em 4 jogos (1v, 0e, 3d)

Motivo da desistência. A federação paraibana exigiu o envio de documentos pelos clubes comprovando ausência de débitos com a União e regularidade nas obrigações trabalhistas. O TJD/PB analisou a papelada e depois a federação ainda fez uma revisão, identificando irregularidades nos documentos do clube, que perdeu o prazo para resolvê-las.

Curiosidade. O nome do clube é uma homenagem ao Cruzeiro de Minas Gerais, tanto que a mascote também é uma raposa

—————————————————————

Petrolina (Pernambuco)

Nome completo.  Petrolina Social Futebol Clube

Fundação. 11 de novembro de 1998 (18 anos)

Cidade. Petrolina (337 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão de PE 2001 e 2010

Campanha em 2015. 7º lugar com 18 pontos em 16 jogos (7v, 3e, 6d). O time perdeu 6 pontos por escalação irregular de jogadores

Motivo da desistência. O presidente Paulo José e Silva enviou documento à federação pernambucana antes da publicação da tabela alegando problemas financeiros, falta de apoio e dificuldade para se adequar ao Profut. O clube não foi suspenso.

Curiosidade. O Petrolina tem oito participações na elite pernambucana, mas já foi rebaixado três vezes, uma como último colocado.

—————————————————————

Sabiá (Maranhão)

Nome completo.  Sabiá Futebol Clube

Fundação. 23 de abril de 2007 (9 anos)

Cidade. Caxias (162 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. A equipe desistiu da elite maranhense por problemas financeiros

Motivo da desistência. Problemas financeiros

Curiosidade. Havia três clubes na 2ª divisão do MA em 2016. Como o Sabiá desistiu e nenhum outro time quis participar, a federação cancelou o torneio (o mínimo é de três equipes) e Americano e Pinheiro se enfrentaram numa seletiva.

Região Norte

Independência (Acre)

Nome completo.  Independência Futebol Clube

Fundação. 2 de agosto de 1946 (70 anos)

Cidade. Rio Branco (377 mil habitantes)

Títulos. 12 Campeonatos Acreanos (1954, 1958, 1959, 1960, 1963, 1970, 1972, 1974, 1985, 1988, 1993 e 1998)

Campanha em 2015. 3º lugar (penúltimo) na 2ª divisão com 4 pontos em 6 jogos (1v, 1e, 4d)

Motivo da desistência. O presidente José Eugênio Leão Braga tentou encontrar apoio financeiro, mas não teve sucesso e preferiu não disputar a 2ª divisão.

Curiosidade. É o terceiro maior vencedor acreano e já disputou a Série B 1991, ficando na lanterna do Grupo 1 com sete pontos em 14 rodadas (1v, 5e, 8d). Sampaio Corrêa/MA, Paysandu/PA e Remo/PA estavam na chave.

—————————————————————

Independente (Amapá)

Nome completo.  Independente Esporte Clube

Fundação. 19 de janeiro de 1962 (54 anos)

Cidade. Santana (114 mil habitantes)

Títulos. 5 Campeonatos Amapaenses (1982, 1983, 1989, 1995 e 2001)

Campanha em 2015. 4º lugar com 20 pontos em 10 jogos (6v, 2e, 2d)

Motivo da desistência. Problemas financeiros, já que o Governo não está repassando dinheiro aos clubes

Curiosidade. O Independente jogou a Copa do Brasil 2002, mas foi eliminado na 1ª fase diante do Flamengo/PI, que empatou por 1 a 1 no Amapá e venceu por 1 a 0 em casa

—————————————————————

Ypiranga (Amapá)

Nome completo.  Ypiranga Clube

Fundação. 15 de maio de 1963 (53 anos)

Cidade. Macapá (465 mil habitantes)

Títulos. 8 Campeonatos Amapaenses (1976, 1992, 1994, 1997, 1999, 2002, 2003 e 2004)

Campanha em 2015. 3º lugar com 22 pontos em 10 jogos (7v, 1e, 2d)

Motivo da desistência. O presidente Aldemir França informa que não se inscreveu porque o Ypiranga tinha na época muitas pendências administrativas e judiciais. Em maio de 2016, o clube diminuiu as dívidas de R$ 2 milhões para apenas R$ 130 mil e deve jogar em 2017.

—————————————————————

Oratório (Amapá)

Nome completo.  Oratório Recreativo Clube

Fundação. 15 de agosto de 1969 (47 anos)

Cidade. Macapá (465 mil habitantes)

Títulos. Campeonato Amapaense 2012

Campanha em 2015. 6º lugar com 11 pontos em 8 jogos (3v, 2e, 3d)

Motivo da desistência. O presidente Arlindo Moreira tirou o time do Amapaense 2016 por causa da falta de apoio do Governo e dos empresários, mas também porque sentiu insegurança na viabilidade econômica e na credibilidade da competição.

Curiosidade. O Oratório jogou a Copa do Brasil 2013, mas caiu na 1ª fase ao levar de 3 a 1 do Goiás ainda no jogo de ida.

—————————————————————

São José (Amapá)

Nome completo.  Sociedade Esportiva e Recreativa São José

Fundação. 26 de agosto de 1946 (70 anos)

Cidade. Macapá (465 mil habitantes)

Títulos. 6 Campeonatos Amapaenses (1970, 1971, 1993, 2005, 2006 e 2009)

Campanha em 2015. 7º lugar com 8 pontos em 8 jogos (2v, 2e, 4d)

Motivo da desistência. Josiel Lima, presidente do São José, alegou que o clube tinha vários problemas financeiros por causa de dívidas deixadas pela antiga gestão. Precisando quitar os débitos, a diretoria achou melhor não participar antes disso.

Curiosidade. O São José tem três participações na Copa do Brasil. Em 1994, a equipe teve sua melhor campanha ao eliminar o Nacional/AM por 4 a 2 (duas vitórias) e perder nas oitavas por 3 a 2 em dois jogos para o Linhares/ES, que seria o quarto colocado no torneio.

—————————————————————

Penarol (Amazonas)

Nome completo.  Penarol Atlético Clube

Fundação. 8 de agosto de 1947 (69 anos)

Cidade. Itacoatiara (98 mil habitantes)

Títulos. Campeonato Amazonense 2010 e 2011

Campanha em 2015. 4º lugar com 33 pontos em 20 jogos (10v, 3e, 7d)

Motivo da desistência. O presidente do Penarol, Ila Rabelo, não concordou com o pagamento antecipado de R$ 7 mil que a federação amazonense exigiu para acertar as arbitragens, diante das dívidas de alguns clubes com os árbitros em edições passadas. O Penarol não atrasava o pagamento das taxas, é bom dizer.

Curiosidade. Na Série D 2013, o Penarol passou da fase de grupos e só parou nas oitavas de final ao cair diante do Independente de Tucuruí/PA por 3 a 2.

—————————————————————

Iranduba (Amazonas)

Nome completo.  Esporte Clube Iranduba da Amazônia

Fundação. 18 de janeiro de 2011 (5 anos)

Cidade. Iranduba (47 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do AM 2011

Campanha em 2015. 8º lugar com 20 pontos em 18 jogos (5v, 5e, 8d)

Motivo da desistência. O Iranduba não pagou as taxas de R$ 7 mil para poder se inscrever no estadual de 2016

Curiosidade. O Iranduba domina o futebol feminino amazonense com seis títulos seguidos (2011 até 2016). Neste ano, a equipe do Amazonas foi até a segunda fase do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, somando dois pontos em seis jogos e terminando na lanterna num grupo com Flamengo (campeão), São José/SP e Corinthians.

—————————————————————

Pedreira (Pará)

Nome completo.  Pedreira Esporte Clube

Fundação. 7 de setembro de 1925 (91 anos)

Cidade. Ilha de Mosqueiro, distrito de Belém (50 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do PA 1994 e 2000

Campanha em 2015. Não disputou

Motivo da desistência. O clube alegou problemas financeiros

Curiosidade. O técnico Hadson Nery estava trabalhando normalmente no clube e recebeu a notícia da desistência do Pedreira por meio de jornalistas, bem perto de estrear no torneio. Sorte que o Vênus ligou e ele foi para tentar assumir a equipe. Detalhe que ele havia sido anunciado pelo Vila Rica e deixou a equipe para assumir o Pedreira. Hadson Nery também já foi presidente do Bragantino do Pará.

—————————————————————

Vilhena (Rondônia)

Nome completo. Vilhena Esporte Clube

Fundação. 3 de junho de 1991 (25 anos)

Cidade. Vilhena (94 mil habitantes)

Títulos. 5 Campeonatos Rondonienses (2005, 2009, 2010, 2013 e 2014)

Campanha em 2015. Vice-campeão ao perder para o Genus, mas com a melhor campanha: 24 pontos em 12 jogos (7v, 3e, 2d)

Motivo da desistência. Com pelo menos R$ 500 mil de dívidas, o presidente João Carlos Dalanhol, que bancava o clube, ainda estava envolvido em problemas judiciais e outras polêmicas. O time está de volta ao estadual em 2017.

Curiosidade. O Vilhena jogou cinco vezes a Copa do Brasil

—————————————————————

Rolim de Moura (Rondônia)

Nome completo. Rolim de Moura Esporte Clube

Fundação. 4 de novembro de 2002 (14 anos)

Cidade. Rolim de Moura (57 mil habitantes)

Títulos. Nenhum, mas foi vice na 2ª divisão 2007

Campanha em 2015. Não disputou

Motivo da desistência. Numa bagunça completa, o Rolim de Moura não tinha condições financeiras de jogar o estadual, mas mesmo assim entrou em campo. O clube disputou 11 partidas, perdeu pontos por escalação irregular de atletas, que reclamaram de condições análogas à escravidão. A três rodadas do fim do returno, os jogadores abandonaram o clube e a desistência foi a única saída. É bem capaz de o Rolim de Moura nunca mais voltar.

—————————————————————

Rio Negro (Roraima)

Nome completo. Atlético Rio Negro Clube

Fundação. 26 de abril de 1971 (45 anos)

Cidade. Boa Vista (326 mil habitantes)

Títulos. 2 Campeonatos Roraimenses (1991 e 2000)

Campanha em 2015. 5º lugar geral (penúltimo) com 7 pontos em 7 jogos (2v, 1e, 4d)

Motivo da desistência. Falta de condições financeiras

—————————————————————

GAS (Roraima)

Nome completo. Grêmio Atlético Sampaio

Fundação. 11 de junho de 1965 (51 anos)

Cidade. Boa Vista (326 mil habitantes)

Títulos.  Nenhum, com 3 vices roraimenses (1970, 1975 e 1996)

Campanha em 2015. 6º lugar geral (último) com 3 pontos em 7 jogos (1v, 0e, 6d)

Motivo da desistência. Falta de condições financeiras

—————————————————————

Interporto (Tocantins)

Nome completo.  Interporto Futebol Clube

Fundação. 13 de julho de 1990 (26 anos)

Cidade. Porto Nacional (52 mil habitantes)

Títulos. Campeonato Tocantinense (1999, 2013 e 2014), 2ª divisão de TO (2009) e Copa Tocantins (1998)

Campanha em 2015. 2º lugar no estadual com 27 pontos em 17 jogos (7v, 6e, 4d). No Campeonato Tocantinense, o Interporto alcançou a decisão diante do Tocantinópolis, mas empatou as duas vezes sem gols e a vantagem era do adversário.

Motivo da desistência. A um mês do início da Série D 2016, o presidente Hélio Freitas informou que a folha salarial da equipe era de R$ 130 mil mensais, mas não tinha condições de arcá-la. Como a prefeitura nem a federação tocantinense puderam ajudar, o Interporto não quis “passar vergonha” e “representar mal o estado”, como frisou o dirigente.

Curiosidade. Essa foi a segunda desistência do Interporto na Série D, o que também não jogou em 2015. A torcida ficou bastante chateada com a situação e levou um cartaz escrito “Luto” para o estádio.

—————————————————————

Região Sudeste

ESSE (Espírito Santo)

Nome completo.  Espírito Santo Sociedade Esportiva

Fundação. 5 de junho de 1998 (18 anos)

Cidade. Colatina (123 mil habitantes)

Títulos. 2ª divisão do ES 2002 (como CTE Colatina)

Campanha em 2015. 7º lugar na 2ª divisão com 9 pontos em 10 jogos (2v, 3e, 5d)

Motivo da desistência. O presidente do ESSE, Edmílson Pimenta (ex-atacante de PSG, Porto e Sporting Lisboa, tem 45 anos), alegou problemas pessoais e financeiros para a desistência na quinta rodada da 2ª divisão. O ESSE está afastado de três anos de torneios profissionais.

Curiosidade. Na estreia, o ESSE havia perdido por WO por ter apenas dois atletas inscritos e na segunda partida teve nove jogadores em campo, levando sete gols no 1º tempo. Na volta do intervalo, o time teve sete atletas, um se machucou e o árbitro encerrou a partida.

—————————————————————

Itaúna (Minas Gerais)

Nome completo.  Esporte Clube Itaúna

Fundação. 29 de junho de 1929 (87 anos)

Cidade. Itaúna (92 mil habitantes)

Títulos. Nenhum, mas foi vice da 3ª divisão de MG 1963 e 2007

Campanha em 2015. Não disputou nada

Motivo da desistência. O Itaúna esteve na tabela da 3ª divisão, mas a equipe não cumpriu uma regra básica: inscrever no mínimo 18 jogadores no BID da CBF. Detalhe que o Itaúna jogou duas partidas (0 a 0 com o Betinense e 11 a 0para o Venda Nova) antes de ser excluído pela federação mineira. Todos os resultados ficaram em 3 a 0 para os adversários.

Curiosidade. O Itaúna se inscreveu na competição por causa de uma parceria com o Guarany Esporte Clube, time amador de Conselheiro Lafaiete, que viabilizou a estrutura para a disputa da 3ª divisão. O técnico Ney da Mata foi contratado, mas saiu para comandar o Boa Esporte no título da Série C nacional e alguns atletas saíram por causa disso. Assim, não houve tempo para encontrar e inscrever outros.

—————————————————————

Figueirense de São João del Rei (Minas Gerais)

Lembrança do leitor João Henrique Castro

Nome completo. Figueirense Esporte Clube

Fundação. 19 de outubro de 1975 (41 anos), profissionalizou-se em 2005

Cidade. São João del Rei (90 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. 5º lugar na 3ª divisão com 26 pontos em 18 jogos (9v, 3e, 6d)

Motivo da desistência. O presidente João da Cruz Silva as que o principal motivo foi a falta de um estádio dentro das exigências da federação. O Corpo de Bombeiros pediu muitas reformas no estádio Eliseu Resende, como instalação de portões de emergência, pára-raios, sala de atendimento médico e área de evacuação. Sem dinheiro, não houve como fazer as obras a tempo, mesmo com alguns patrocinadores apoiando.

São Gonçalo (Rio de Janeiro)

Nome completo. São Gonçalo Futebol Clube

Fundação. 29 de janeiro de 2009 (sete anos)

Cidade. São Gonçalo (1 milhão de habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. 13º colocado na 2ª divisão do RJ com 19 pontos em 17 jogos (5v, 4e, 8d)

Motivo da desistência. Problemas financeiros. O São Gonçalo FC precisava de patrocinadores, mas não conseguiu. Acabou nem realizando pré-temporada e muito menos inscrevendo jogadores na competição. O presidente Eduardo Castro informou que bateu de porta e porta nas empresas, mas ninguém quis ajudar por causa da crise financeira no país.

—————————————————————

Condor (Rio de Janeiro)

Lembrança do leitor Gustavo de Azevedo

Nome completo. Condor Atlético Clube

Fundação. 11 de maio de 2005 (11 anos)

Cidade. Queimados (144 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. Não disputou nada

Motivo da desistência. O Condor se inscreveu normalmente para a 3ª divisão do RJ, mas não compareceu aos três primeiros jogos da competição, ferindo o regulamento. Então, a federação carioca reconheceu o abandono do clube, que não justificou documentalmente a ausência e excluiu o Condor, dando vitória de 3 a 0 para os adversários, além de aplicar multa de R$ 50 mil. Na classificação, a equipe aparece com 13 derrotas no A, nenhum gol anotado e 39 sofridos.

Curiosidade. A primeira participação do Condor em torneios profissionais foi em 2006, mas o clube tem histórico de fechar as portas. Isso aconteceu em 2007, 2009 e 2010, quando foi excluído por não reconhecer uma dívida com a federação.

—————————————————————

Taquaritinga (São Paulo)

Nome completo.  Clube Atlético Taquaritinga

Fundação. 17 de março de 1942 (74 anos)

Cidade. Taquaritinga (57 mil habitantes)

Títulos. Série A2 (1982 e 1992) e Série A3 (1964)

Campanha em 2015. Não disputou nada e em 2014 desistiu durante a 4ª divisão de SP

Motivo da desistência. O estádio municipal Adail Nunes da Silva está lacrado desde junho de 2014, e o presidente do Taquaritinga, Bento Previdelli, não conseguiu a liberação do local. Ele até enviou um ofício à federação paulista pedindo mais prazo, pois as obras estavam sendo feitas para receber os laudos exigidos, mas a entidade não aceitou e vetou a escolha de estádios em cidades diferentes. O dirigente criticou a prefeitura pelo descaso.

Curiosidade. O Taquarão, como é conhecido o estádio, foi liberado dez dias depois da desistência, mas apenas para o torneio amador da cidade. No início de 2016, o local foi furtado e teve prejuízo de R$ 350 mil.

—————————————————————

Francana (São Paulo)

Nome completo.  Associação Atlética Francana

Fundação. 12 de outubro de 1912 (104 anos)

Cidade. Franca (345 mil habitantes)

Títulos. Série A2 de 1977

Campanha em 2015. 20º lugar (último) com 6 pontos em 19 jogos (1v, 3e, 15d)

Motivo da desistência.                O presidente do clube, Anderson Pereira Silva, não tinha dinheiro para colocar o time em campo e buscou parcerias, como utilizar o sub-20 do Botafogo de Ribeirão Preto. Mas o negócio não deu certo e nenhum empresário deu garantia de retorno à Francana, o que obrigou o clube a desistir. A intenção é criar um departamento de futebol para evitar times inteiros indicados por empresários e utilizar jovens da base, reaberta em 2016. A Francana quer voltar em 2017.

Curiosidade. A Francana já estava mal das pernas na Série A3 2015, quando cogitou desistir do torneio duas vezes. O Plano Tático escreveu matéria à época, veja mais detalhes. É bom dizer que o clube já disputou a elite paulista cinco vezes.

—————————————————————

Cotia (São Paulo)

Nome completo.  Cotia Futebol Clube

Fundação. 13 de abril de 2000 (16 anos)

Cidade. Cotia (233 mil habitantes)

Títulos. Nenhum

Campanha em 2015. 16º lugar na Série A3 com 21 pontos em 19 jogos (7v, 0e, 12d). O time não foi rebaixado em campo, mas teve três WO’s durante o torneio por problemas no estádio e foi excluído e rebaixado para a 4ª divisão de 2016

Motivo da desistência. O clube recorreu da decisão e tinha esperança de continuar na Série A3, mas não conseguiu. Assim, o presidente do Cotia, Vanderley Tajiki, preferiu desistir para se concentrar na reforma do estádio Euclides de Almeida, que deve custar R$ 2 milhões vindos de emenda de um deputado federal. Houve também falta de patrocinadores.

Curiosidade. O Cotia FC teve o estádio interditado durante a Série A3 2015 e não indicou outro local para jogar em tempo hábil, recebendo dois WO’s.  O clube não mandava partidas em casa desde 2013, quando conseguiu o acesso para a Série A3. Em 2015, a federação paulista fez várias vistorias e exigências, que eram cumpridas. Porém, na vistoria seguinte, a entidade observava mais problemas e pedia novas modificações.

—————————————————————

Santo André (São Paulo)

Nome completo. Esporte Clube Santo André

Fundação. 18 de setembro de 1967 (49 anos)

Cidade. Santo André (713 mil habitantes)

Títulos. Copa do Brasil 2004, Série A2 (1975, 1981, 2008 e 2016) e Copa Paulista 2003 e 2014

Campanha em 2015. 9º lugar na Série A2 com 30 pontos em 19 jogos (8v, 6e, 5d)

Motivo da desistência. O Santo André justificou a saída da Copa Paulista em razão do estádio Bruno José Daniel estar cedido ao Comitê Olímpico Brasileiro até outubro de 2016, com o torneio começando em julho. O clube também quis focar esforços na elite do Campeonato Paulista 2017, competição que o Santo André voltará a disputar depois da queda em 2011 e de cinco anos seguidos na Série A2.

Últimas

Assine Nossa Lista de E-mail!

* indicates required

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede