Tag - futebol argentino - Plano Tático

River x Cruzeiro na Libertadores 2015: conheça os Cruzeiros do Brasil

Amanhã, quarta-feira, será dia de nova partida decisiva na Libertadores 2015. Na semana passada, o Cruzeiro surpreendeu o River Plate e saiu com vitória de 1 a 0 do estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires. Portanto, a vantagem do empate é do time brasileiro, o que não significa que será um jogo fácil.

Assim como o Plano Tático fez antes da partida de ida, em que mostrou mais informações sobre todos os River Plate do mundo, hoje é dia de apresentar todos os Cruzeiros do Brasil. Alguns já estão extintos, mas outros ainda estão na ativa e disputando competições profissionais. Boa leitura!

Os Cruzeiros ao redor do Brasil

Esporte Clube Cruzeiro (Rio Grande do Sul)

Fundação: 14 de julho de 1913 (101 anos)

Títulos: Campeonato Gaúcho (1929) e segunda divisão (2010)

Um dos mais tradicionais Cruzeiros do Brasil, percebe-se que o time sediado em Porto Alegre por 100 anos foi fundado oito anos antes do clube de Minas Gerais, de 1921. São apenas 20 participações na elite do Campeonato Gaúcho, com um título, na temporada 1929, que contou com Riograndense, Ferro Carril e Guarany de Bagé.

O Cruzeiro gaúcho costumava figurar na elite estadual nas décadas de 1960 e 1970, até que disputou a edição de 1978 e demorou 33 anos para voltar aos holofotes no Rio Grande do Sul, com o título da segunda divisão de 2010 – ficou desativado entre 1978 e 1991. Desde então, as campanhas do clube entre os grandes têm sido razoáveis, mais próximas do rebaixamento.

No Campeonato Gaúcho 2015, o Cruzeiro esteve bem na primeira fase, somando 21 pontos em 15 partidas, na oitava posição. Classificado ao mata-mata, a equipe mediu forças com o Internacional nas quartas de final, mas pereceu ao levar de 3 a 1 nos pênaltis, após empate de 2 a 2. Assim, o Cruzeiro encerrou a temporada e não vai jogar a Série D, torneio que disputou uma vez (2011), sendo eliminado com a lanterna da chave, com cinco pontos.

Cruzeiro Futebol Clube (Distrito Federal)

Fundação: 10 de maio de 2000 (15 anos)

Títulos: nenhum

Novato, o Cruzeiro do Distrito Federal, que é da cidade de mesmo nome, só conseguiu disputar a segunda divisão regional a partir de 2006, ficando perto do acesso inédito em algumas oportunidades, mas também quase caindo para a terceira divisão, como em 2009, quando somou quatro pontos em seis jogos, se salvando por ter saldo de gols melhor (-2 contra -4) que o Santa Maria.

Depois de várias tentativas, tudo deu certo para o Cruzeiro brasiliense em 2014. Na primeira fase, o time do interior somou sete pontos, vantagem no saldo de gols (1 contra -3) para o Paranoá, ficando com a segunda posição e conquistando o acesso à primeira divisão do Campeonato Brasiliense – perdeu a final para o Samambaia, ficando com o vice-campeonato,

Na estreia na elite de 2015, o Cruzeiro teve dificuldades evidentes e chegou a estar ameaçado pelo rebaixamento. Porém, os nove pontos em dez rodadas foram suficientes para deixar a degola para o Ceilandense, que somou apenas quatro. O Cruzeiro esteve a três pontos de jogar as quartas de final, terminando a temporada na nona posição.

Cruzeiro Esporte Clube (Paraíba)

Fundação: 28 de outubro de 1969 (45 anos)

Títulos: segunda divisão (2007)

Time do Sertão da Paraíba, o Cruzeiro de Itaporanga sempre convive com dificuldades financeiras, bem diferente da situação do clube original. A equipe chegou a jogar a elite do Campeonato Paraibano em duas oportunidades (2008 e 2013, esta com clássico genérico contra o Atlético de Cajazeiras), sendo rebaixado em ambas. Entre 2007 e 2010, a equipe do interior teve futebol profissional, com três participações na segunda divisão, mas normalmente fica alguns anos sem jogar nada para se recuperar financeiramente.

São seis edições disputadas na segunda divisão, mas em 2014 o Cruzeiro de Itaporanga não conseguiu disputar o torneio. Em julho do ano passado, a diretoria confirmou interesse em jogar a competição, mas somente se a prefeitura ajudasse na reforma do estádio Zezão. Com as contas em dia e a promessa do órgão público quanto ao estádio, o Cruzeiro paraibano confirmou participação na competição, diante da diminuição das taxas, como no registro de jogadores, que caiu de R$ 300 para R$ 150 por atleta.

O presidente do Cruzeiro, Nosman Barreiro, marcou seletiva para definir o elenco de 20 jogadores e até alguns já estavam confirmados. Porém, a cinco dias do pontapé inicial, o clube desistiu da segunda divisão, pois o estádio Zezão não ficaria pronto a tempo e o Cruzeiro não tinha R$ 5 mil para mandar cada jogo em Patos, a 120 km de Itaporanga. Há rumores de que o time possa jogar em 2015.

Os Cruzeiros que desejam voltar à ativa

Cruzeiro Esporte Clube (Rondônia). Fundado em 1º de maio de 1963 (52 anos), o time de Porto Velho entrou para a história e teve matéria no Jornal Nacional por causa dos três anos e meio sem vitória. Em 2010, por exemplo, o time perdeu os 14 jogos no Campeonato Rondoniense e passou por várias dificuldades financeiras, com estrutura inadequada para os jogadores.

Imagem de Amostra do You Tube

São quatro participações na segunda divisão, mas o Cruzeiro pretende voltar a jogar em 2016 na elite estadual, já que a segundona está extinta. Após ser punido por três anos pela Justiça do Trabalho, o time de Porto Velho voltou a disputar amistosos em janeiro deste ano, empatando em 2 a 2 com o Guajará Mirim, o mesmo placar diante da Seleção de Riberalta (Bolívia) e nova igualdade contra o mesmo adversário, por 1 a 1.

O time está treinando há seis meses, com duas atividades por semana e dois amistosos mensais, enquanto disputa o Campeonato de Areia da cidade. A intenção é já em 2015 jogar os estaduais sub-16 e sub-20.

Cruzeiro Futebol Clube (Rio Grande do Norte). Fundado em 8 de outubro de 1937, o time de Macaíba disputou por vários anos torneios amadores da cidade e chegou a jogar a segunda divisão estadual. Em 2006, 2007 e 2008, o time foi o vice-campeão, perdendo a chance de participar da elite do Rio Grande do Norte para Guamaré, Potyguar de Currais Novos e Real Indepentente, respectivamente. Desde então o time só disputa o torneio da cidade, mas tem planos de jogar a segunda divisão estadual de 2015.

Os Cruzeiros extintos

Cruzeiro Futebol Clube (São Paulo). Time da cidade de mesmo nome, no interior paulista, o Cruzeiro foi fundado em 3 de julho de 1914 e acabou campeão da quinta divisão de 1978 e da terceira divisão de 1981. Somando algumas participações no segundo nível de São Paulo, o Cruzeiro tem 11 edições no futebol profissional, mas hoje é apenas um clube social.

————————————————————-

Cruzeiro Futebol Clube (Bahia). Campeão da segunda divisão de 1998, o Cruzeiro de Cruz das Almas teve destaque no Campeonato Baiano 2002, quando ficou com o vice-campeonato ao somar 29 pontos em 16 jogos, num torneio que não contou com os grandes do estado. O time ficou na elite de 1999 até 2004, voltando à ativa em 2006, na segunda divisão, sem sucesso. Daí em diante o Cruzeiro jogou as edições da segundona em 2008 e 2012, se licenciando dos torneios.

Mais antigas

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede