Tag - futebol sul matogrossense - Plano Tático

Aloísio Chulapa e Comercial/MS: a Internet é que ganha em irreverência

Reprodução/Facebook

Conheça a Página do Comercial/MS no Facebook

O Comercial (Mato Grosso do Sul) é um dos grandes times do estado, rivalizando com o Operário, que tem dez títulos estaduais, um a mais que os colorados. Com o passar dos anos, o Comercial, assim como o rival, perdeu força nacionalmente, pois já teve seis participações na Série A (décadas de 1970 e 1980), disputou a Série B em quatro oportunidades (anos 1980) e nas décadas de 1990 e 2000 esteve seis vezes na terceira divisão.

Por causa do título do Campeonato Sul-Matogrossense 2015, o Comercial voltou ao Campeonato Brasileiro depois de 12 anos (última participação na Série C 2003), mas não teve sucesso no Grupo A5 da Série D… A equipe somou sete pontos em oito jogos, melhor apenas que o CEOV/MT, com quatro, mas sete atrás da segunda colocada Caldense/MG. Ou seja, o projeto de ascender nacionalmente foi adiado. Por pouco tempo, é verdade, graças ao trabalho árduo do presidente Ítalo Milhomem e de sua equipe…

Aloísio Chulapa e o Comercial na Internet

Em 24 de novembro de 2015, o Plano Tático publicou matéria sobre a contratação de Aloísio Chulapa pelo Maranhão, que vinha de título na segunda divisão estadual. Estava tudo praticamente acertado, mais o time nordestino não sacramentou o vínculo e Aloísio Chulapa ficou livre no mercado. Aos 41 anos, o jogador estava em Campo Grande para participar de amistoso beneficente e começou a negociar com o Comercial.

Após uma semana de conversas, o jogador campeão mundial (2005) e da Série A (2006, 2007 e 2008) com o São Paulo confirmou que vestiria a camisa do Lobo em 12 de dezembro/2015! Até aqui são dois gols do atacante, mas o maior retorno de Aloísio Chulapa nem é em campo, como no clássico diante do Operário, no qual ele balançou as redes no empate de 1 a 1…

Imagem de Amostra do You Tube

É aí que entra o publicitário Madjer Walace, formado em Publicidade e Propaganda na Uniderp (Universidade para o Desenvolvimento do Estado e Região do Pantanal) de Campo Grande em 2011 e responsável pelas postagens do clube na Internet. Em entrevista exclusiva ao Plano Tático, ele reconhece que a presença de Aloísio Chulapa “foi um grande chamariz para as redes sociais do Comercial”. Mas esclarece: “O foco é no clube e para atrair novos torcedores. E Aloísio Chulapa é uma peça muito importante nessa estratégia”, explica.

Madjer Walace começou a criação das peças publicitárias no final de 2015, mas o publicitário deixou o emprego e passou a trabalhar exclusivamente para o Comercial, com postagens de bastante humor e provocação sadia no Facebook do Comercial, que você acompanha ao longo deste texto (clique nas imagens para ampliar). Porém, a relação entre ele e Ítalo Milhomem já vem de muito tempo…

“Conheci o presidente do Comercial no ensino médio, estudávamos juntos. Sempre tive contato com o Ítalo e, quando ele ainda trabalhava na assessoria de comunicação do clube, acabou me propondo criar a mascote do time, o Lobo Guará. A partir daí, ele sempre me chamava pra criar algumas peças para os jogos do Colorado”.

Reprodução/Facebook

O tempo passou, Ítalo Milhomem assumiu a presidência do Comercial e Madjer Walace viu a oportunidade de uma parceria: “Eu crio as artes que ele precisa e posto na internet, além de fundar o perfil no Instagram e administrar as redes sociais do clube, construindo um universo do Comercial na internet, com posts legais e interação com o público”, explica o publicitário em entrevista exclusiva ao Plano Tático.

Madjer Walace se dedica exclusivamente ao Comercial desde o fim de janeiro de 2016 e os resultados já são expressivos: “Somos a maior página de clube de futebol do Mato Grosso do Sul no Facebook, com mais de 13.500 curtidas. Além disso, a interação com os torcedores é bem alta, o público participa ativamente e critica muito. Temos uma média bem alta de curtidas e o alcance das postagens é cada vez maior, bem acima da porcentagem que o Facebook entrega, o que é um excelente sinal”, afirma Madjer.

O Comercial também acaba de inaugurar sua loja virtual, que ainda está no começo e precisa de muitos ajustes. Na página do clube no Instagram, sugestão de Madjer Walace, já são mais de 1 mil seguidores em apenas dois meses, o que comprova o sucesso da estratégia do time sul-matogrossense, uma parceria entre Madjer Walace e Ítalo Milhomem:

“Investir nas redes sociais foi uma aposta da diretoria e eu vim pra somar. Meu grande parceiro nas aprovações das postagens é o presidente, que entra na brincadeira e está dando muito certo. Eu sou mais ousado, às vezes o presidente segura minha onda para eu não viajar demais, exagero um pouco, assumo! Mas tudo pelo bem do nosso futebol!”, se diverte Madjer Walace, que promete “muita coisa boa e maluca ainda em 2016. No bom sentido, claro!”

O projeto de Madjer Walace. O publicitário trabalha para o Comercial, mas sabe que pode contribuir não só com o clube, mas com o futebol de Mato Grosso do Sul. E daí surgiu o Projeto Nosso Futebol: “Redesenhei os escudos dos times da elite estadual a fim de chamar a atenção da população para o futebol local, que está muito esquecido por todos”.

Madjer Walace também fez uma pesquisa para averiguar a percepção do público com o esporte em Mato Grosso do Sul e não encontrou coisa boa: “Senti que precisava fazer alguma coisa pra melhorar a questão da torcida por aqui, o sul-mato-grossense precisa voltar aos estádios. Para o segundo semestre tenho alguns planos que ainda não posso revelar aqui, mas que serão muito úteis para o futebol no Mato Grosso do Sul”, afirma o publicitário. Aguardemos!

Informações

Reprodução/Facebook

- O investimento nas redes sociais do Comercial é simples, segundo Madjer Walace: “Meus dias de trabalho, ideias na cabeça e muita interação com o público. Em momentos-chave, impulsionamos alguma postagem para tentar alcançar um público maior, como no Comerário, como é chamado o clássico entre Comercial e Operário”. O publicitário sabe que seu trabalho “depende muito dos nossos craques dentro de campo e as redes sociais são nossos canais mais diretos de comunicação com a torcida. Perdemos uma partida [2 a 1 para o Costa Rica em casa] até agora e foi uma reclamação só. Por três dias tive que ser o moderador mais diplomático do mundo para acalmar os ânimos nas redes sociais, mas faz parte do show”.

Outros posts criativos

 

 

 

 

 

 

 

Mais antigas

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede