Tag - notícias alto acre - Plano Tático

Alto Acre FC: um 2012 para se esquecer

Fundado em 31 de março de 2009, o Alto Acre FC era um projeto de cinco municípios acreanos (Assis Brasil, Xapuri, Brasileia, Epitaciolândia e Capixaba), num total de 67.465 habitantes, cujas prefeituras se uniram a fim de trazer oportunidade às populações dessas cidades e incentivar a prática do esporte pelos jovens da região. Em 2010, a primeira competição disputada pelo  novo clube foi o Campeonato Acreano da primeira divisão – a segunda divisão voltou a ativa em 2011, após 34 anos inativa –, tendo como sede principal a cidade de Epitaciolândia, mas atuando em dois estádios.

Em Xapuri, a 175 km da capital Rio Branco, o Alto Acre jogou uma vez no estádio Álvaro Felício (4 mil lugares), derrota para o Atlético Acreano, por 2 a 1. Outras três partidas em casa foram disputadas em Epitaciolândia, a 243 km de Rio Branco, no estádio Antônio Araújo (3.500 lugares). No final de nove rodadas, a equipe mostrou força e terminou em quinto lugar, com 13 pontos (4v, 1e, 4d), a dois das semifinais da competição.

Na temporada 2011, a intenção do clube era conquistar o título estadual, que tinha amplo domínio do Rio Branco. 25 jogadores foram contratados, sendo 15 deles locais, além de uma reforma no estádio de Epitaciolândia, orçada em R$ 187 mil, para adequação às normas da federação acreana. Porém, o entusiasmo de dirigentes, comissão técnica e jogadores se esvaiu ao longo do campeonato, em que o Alto Acre FC ficou durante seis rodadas sem vencer, conquistando apenas três triunfos em 14 partidas, além de outros três empates.  Os 12 pontos (3v, 3e, 8d) só não rebaixaram a equipe porque o Independência ficou na lanterna, com apenas quatro, indo para a segunda divisão -  em 2012, com a desistência da ADESG (veja tudo aqui), o Independência foi chamado e aceitou participar do estadual.

O desastre

Para 2012, o Alto Acre FC começou a temporada contratando os serviços do treinador Samuel Esteves, 43 anos, que não havia tido boa passagem pelo Araguaína (Tocantins), sendo demitido antes mesmo da estreia do clube tocantinense no estadual 2011, por falta de comando nos treinamentos, principalmente. A diretoria do clube também planejava contar com 35 jogadores no elenco, número bastante alto em se tratando de uma competição de curta duração (dois meses), sendo 27 oriundos da região.

No final de janeiro, a equipe já tinha um esboço, com os reforços vindos de outros estados, sempre com o apoio da prefeitura de Brasileia, cidade que mais ajudou o Alto Acre FC em 2012. Porém, após a primeira rodada do estadual, o planejamento teve de ser refeito. O técnico Samuel Esteves acabou demitido depois da derrota de 3 a 1 para o Plácido de Castro, fora de casa, em razão de, segundo os dirigentes do Alto Acre FC, não ter conseguido colocar o grupo em suas mãos, agradar no aspecto tático e posicionamento da equipe em campo, os mesmos problemas em sua passagem pelo Araguaína.

Na segunda rodada, em que a equipe enfrentou o Rio Branco – derrota de 3 a 2, em casa –, o comandante foi Erivaldo Silva, técnico famoso no futebol amador da região, mas que fazia sua estreia em campos profissionais. Porém, já na terceira partida, o Alto Acre resolveu contratar o terceiro técnico, Napoleone Junior, 40 anos, presidente da empresa de marketing que tem parceria com o clube, que trabalha na área desde 2009. Mesmo de treinador novo e com contatos para a chegada de reforços, os seis jogadores que passaram a defender as cores do Alto Acre FC não conseguiram levar o time às vitórias, e pior, as derrotas continuaram, atingindo a marca negativa de sete reveses consecutivos!

Diante da crise, Napoleone Junior acabou demitido do cargo em 15 de abril de 2012, depois da sétima derrota, um 6 a 0 para o Juventus, em casa, não sem se envolver em polêmica. A imprensa acreana veiculou dias depois matéria produzida pela mídia piauiense, em que Napoleone Junior era acusado de fraudar parceria com o Piauí (Piauí), clube que comandou no  início da temporada 2012, deixando de pagar dívidas acumuladas e utilizando cheques sem fundo – é importante dizer que nada foi provado.

Inusitado!

Em 29 de abril de 2012, o Alto Acre teria de encarar o Náuas, em jogo a ser disputado no estádio Arena da Floresta, em Rio Branco, mas a partida acabou adiada. Tudo porque o ônibus que transportaria a delegação do Papagaio Verde do Bico Amarelo quebrou na estrada, por problemas mecânicos. Quando um segundo ônibus chegou ao local para seguir viagem, os jogadores já tinham retornado a Epitaciolândia, causando o adiamento – o jogo foi disputado mais tarde, com goleada de 5 a 1 a favor do Náuas.

No dia 4 de maio de 2012, os dirigentes do Alto Acre FC ameçaram tirar o time do Campeonato Acreano, alegando problemas financeiros, mas voltaram atrás e continuaram na disputa. A partida seguinte era diante do Juventus, fora de casa, que brigava pela classificação às semifinais. Uma vitória esperada dos donos da casa, já que o Alto Acre tinha perdido todos os jogos… Porém, ao fim dos 90 minutos, os 589 pagantes no estádio Arena da Floresta viram os visitantes venceram por 2 a 0, a primeira e futura única vitória do clube na competição.

Ainda restava uma pequena esperança para o Alto Acre se manter na elite acreana, mas o rebaixamento foi consumado em 16 de maio de 2012, quando a equipe foi derrotada pelo Andirá, por 2 a 1. Assim, o entusiasmo do início do ano se transformou em melancolia, com apenas três pontos em 14 partidas, 12 gols marcados e 40 sofridos, as piores defesa e ataque dentre os oito participantes!

Mudança!

Com o rebaixamento inesperado, o presidente e um dos fundadores do Alto Acre FC, José Ivonaldo, foi destituido do cargo por maioria de votos, assumindo em seu lugar João Carlos Passos, formado em educação física e especialista em gestão esportiva. E o trabalho do novo presidente começa em breve… O clube acumula dívidas de R$ 40 mil, além de débitos trabalhistas relacionados a salários atrasados de jogadores e comissão técnica no Campeonato Acreano 2012.

Outro projeto de Passos é incentivar as categorias de base e o time feminino, além, é claro, de viabilizar a participação da equipe no estadual 2013. O projeto de regionalização do Alto Acre ainda está de pé!

Jogos Alto Acre (1v, 0e, 12d)

11/03 | Plácido de Castro 3×1 Alto Acre

17/03 | Alto Acre 2×3 Rio Branco

25/03 | Náuas 3×0 Alto Acre

31/03 | Alto Acre 1×3 Atlético Acreano

08/04 | Independência 1×0 Alto Acre

12/04 | Andirá 3×1 Alto Acre

15/04 | Alto Acre 0×6 Juventus

21/04 | Alto Acre 1×2 Plácido de Castro

24/04 | Rio Branco 2×0 Alto Acre

03/05 | Alto Acre 1×5 Náuas

06/05 | Juventus 0×2 Alto Acre

09/05 | Atlético Acreano 5×2 Alto Acre

13/05 | Alto Acre 0×2 Independência

16/05 | Alto Acre 1×2 Andirá

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede