Tag - reportagens sobre futebol - Plano Tático

Brasileiros Campeões na África/Oceania – Parte Única

Apenas dois brasileiros foram encontrados nas ligas nacionais africanas e da Oceania. Conheça-os a partir de agora!

 

Angola

Campeão: Recreativo do Libolo (segundo título)

Vencedor no ano anterior, o time começou bem a temporada 2013, com uma vitória e um empate, aparecendo na terceira posição, dois pontos atrás dos líderes Bravos do Maquis e Benfica de Luanda. Os adversários prometiam engrossar, mas os nove triunfos em sequência alçaram o Recreativo do Libolo ao topo da tabela, com 29 pontos, cinco de vantagem para o ASA.

Três empates nos quatro jogos seguintes pareceram preocupar os líderes, mas a vitória diante do ASA manteve a equipe na primeira posição, agora com 37 pontos, quatro a mais que o novo segundo colocado, o Primeiro de Agosto. A disparada do Recreativo ocorreu a seguir, com cinco triunfos consecutivos, num momento em que o título parecia questão de tempo. Com 20 rodadas, dez para o final, a equipe somava 52 pontos, 11 de distância para o Primeiro de Agosto.

É verdade que a diferença caiu para nove pontos em três partidas, mas no confronto direto o Recreativo do Libolo conseguiu manter o 0 a 0 com o adversário, o que impediu maior aproximação. A primeira derrota do time ocorreu apenas na 26ª rodada, 4 a 2 para o Santos, que deixou a distância entre os dois primeiros em sete pontos.

Na partida seguinte, a goleada de 7 a 0 sobre o Sporting Cabinda, em casa, sacramentou o título do Recreativo do Libolo, que tinha 62 pontos, dez a mais que o Primeiro de Agosto, com nove pontos em disputa. Ao final das 30 rodadas, a equipe somou 67 pontos (19v, 10e, 1d), nove à frente do adversário, terminando com o melhor ataque (51 gols), ao passo que a melhor defesa ficou com o Petro Atlético (17 gols), terceiro colocado.

Liga dos Campeões da África: Recreativo do Libolo e Primeiro de Agosto

Taça das Confederações Africanas: Petro Atlético e Recreativo da Caála

Rebaixados: Académica do Soyo, Sporting Cabinda e Nacional de Benguela

Promovidos: Desportivo da Huíla, Porcelana FC e Primeiro de Maio

Luis Gustavo Silva “Viola” (31 anos): não há muitas informações sobre o atacante, que em 2008 esteve na Penapolense (São Paulo). No ano seguinte, Viola defendeu o Noroeste, antes de embarcar para Angola, a fim de vestir a camisa do Recreativo do Libolo, em 2011. Após o título nacional 2012 com a equipe, o atleta foi emprestado a Anapolina, já em 2013, mas logo se transferiu para a Penapolense. Porém, no meio do Campeonato Paulista Série A1, o jogador não estava sendo utilizado e preferiu deixar o clube e jogar pelo Comercial de Ribeirão Preto, na Série A2.

Nova Zelândia

Campeão: Waitakere United (quinto título)

Antes de a bola rolar, todos já sabiam que a final seria entre Auckland City e Waitakere United, os dois maiores clubes neozelandeses. Nos três primeiros jogos da fase inicial, o Waitakere somou três vitórias, ficando em primeiro lugar, dois pontos à frente do rival. O empate no confronto direto manteve a distância entre eles, mas o Hawke’s Bay United pulou para a segunda posição, com dez pontos, empatado com o Waitakere.

Raro momento de aproximação. Já que depois de três partidas, a equipe somava 19 pontos em sete rodadas, exatamente os mesmos dois pontos de vantagem para o Auckland City. A quatro rodadas do fim, o Waitakere continuou vencendo os adversários, enquanto o rival tropeçava. Tanto que, depois de dez jogos, a diferença entre eles já era de quatro pontos (28 contra 24).

E, após o triunfo de 3 a 2 do Waitakere United sobre o Auckland, a distância subiu para sete pontos. Já garantido nas semifinais, a equipe relaxou e até se permitiu perder um jogo, 3 a 2 a favor do Canterbury United, em casa, terminando a primeira fase com 37 pontos (12v, 1e, 1d), quatro a mais que o Auckland City. Nas semifinais, o Waitakere enfrentou o Hawke’s Bay United, vencendo os dois jogos, resultado agregado de 10 a 5. Na disputa do título, os rivais se encontraram, em jogo único, e deu Waitakere, por 4 a 3, no tempo extra.

Liga dos Campeões da Oceania: Waitakere United e Auckland City

Rebaixados: não há

Promovidos: não há

Luiz del Monte (33 anos): o zagueiro, que também atua como volante, meia e como funcionário de uma empresa de seguros na Nova Zelândia, começou a carreira no pequeno Joseense (São Paulo). Aos 19 anos, Luiz Del Monte rumou para os Estados Unidos, ficando três temporadas no futebol universitário. Uma viagem à Nova Zelândia tornou seu sonho realidade. Em 2004-05, o atleta defendeu o YoungHeart Manawatu, logo indo para o Auckland City, onde ficou por quatro anos. O brasileiro também jogou por Central United, Three Kings Lions e Waitakere United, chegando a este último em 2009-10. Na terceira temporada no clube, Del Monte atuou apenas sete vezes na liga local, quatro como reserva, com um gol marcado e 264 minutos em campo. Não se sabe em qual equipe ele vai atuar em 2013-14.

Conclusão Oceania/África

Assim como nos outros continentes, o Plano Tático observou queda no número de jogadores campeões nos dois continentes supracitados, em relação à temporada 2011-12. Apenas dois atletas foram encontrados agora, contra quatro na temporada anterior.

Conclusão final

Você que vem acompanhando a Série de Reportagens Brasileiros Campeões na Temporada 2012-13 desde o início, em 15 de julho/2013, já percebeu que houve diminuição no número de jogadores que levantaram taças nas competições nacionais de primeira divisão do mundo todo!

Agora, nossa intenção é saber de quanto foi essa queda… Na Europa, 62 atletas tiveram tal honra, contra os 27 encontrados na Ásia. Somando-se estes aos 11 jogadores que colocaram a medalha de ouro nos peitos em toda a América, incluindo o Caribe, e os dois campeões na África e na Oceania, a conta final do Plano Tático em 2012-13 fica em apenas 102 jogadores, 27 a menos do que na temporada 2011-12, mas em se comparando a temporada 2010-11, o resultado final é positivo em um atleta! O Plano Tático já está ansioso por começar a viagem na temporada 2013-14, que deve se iniciar em julho/2014! Até lá!

Mais antigas

Personagens

Internacionais

Nacionais

Vídeos

Bola na Rede